sicnot

Perfil

Desporto

Selecionador do Uruguai admite doença que lhe afeta os movimentos

O selecionador uruguaio, Óscar Tabárez, afirmou hoje, à imprensa do seu país, que se encontra bem de saúde, admitindo que padece de uma neuropatia que afeta os seus movimentos.

© Andres Stapff / Reuters

"Não digo muito bem, mas estou bastante bem", disse o técnico, em declarações difundidas pelo periódico Subrayado, ao qual negou ser vítima da síndrome Guillain-Barré, embora se desloque, há dias, numa cadeira de rodas eletrónica.

Guillain-Barré é um transtorno neurológico que faz com que o sistema imunitário ataque uma parte do sistema nervoso, algo de que Tabárez, de 69 anos de idade, diz não ser vítima: "Sofro de uma doença crónica, estou um pouco melhor, embora tenha oscilações na saúde."

"Se chegar o momento em que isso possa afetar o meu relacionamento com os jogadores ou algo do género, ponderarei afastar-me, mas isso nunca aconteceu", esclareceu, depois de ter dirigido o Uruguai com a ajuda de muletas, frente ao Brasil e Peru, em jogos de qualificação para o Mundial Rússia2018.

Lusa

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.