sicnot

Perfil

Desporto

Vitória de Setúbal garante Mikel Agu por empréstimo do FC Porto

O Vitória de Setúbal, da I Liga portuguesa de futebol, anunciou hoje a contratação de Mikel Agu, médio que chega ao clube sadino cedido pelo FC Porto até junho de 2017.

© Miguel Vidal / Reuters

Depois de na época transata se ter sagrado campeão pelo FC Porto B e Club Brugge, respetivamente, na II Liga portuguesa e no escalão principal belga, o jogador nigeriano, de 23 anos, é mais uma opção no meio-campo para o treinador José Couceiro.

Já depois de conhecer os cantos à sua nova casa, Mikel Agu assumiu-se satisfeito pela oportunidade de voltar a atuar em Portugal.

"É um dia de felicidade imensa. Há muito tempo que esperava por este dia. Poder jogar na I Liga num grande clube como o Vitória é motivo de enorme orgulho. Agradeço a confiança que depositam em mim e irei dar tudo por esta camisola", prometeu.

Em declarações ao sítio do clube na Internet, o nigeriano deixou uma mensagem aos adeptos do emblema setubalense.

"Queremos terminar os jogos com o sentimento de dever cumprido e deixar os vitorianos felizes. Com os meus companheiros, prometemos dar o máximo para colocarmos o Vitória o mais alto possível na classificação. A união entre a equipa e os adeptos será uma das nossas principais armas", sublinhou.

O novo reforço dos setubalenses treina hoje pela primeira vez, na sessão aberta ao público, e na quarta-feira deverá estrear-se com a camisola do clube no jogo particular frente ao Cova da Piedade, da II Liga, marcado para a Sobreda da Caparica, a partir das 10:30.

Lusa

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.