sicnot

Perfil

Desporto

Responsáveis do futebol em Inglaterra pediram respeito aos jogadores

© Reuters Staff / Reuters

As entidades que promovem o futebol em Inglaterra pediram hoje aos futebolistas para que mostrem mais respeito pelos árbitros, no sentido de que sejam evitados comportamentos petulantes, insultos e gestos despropositados.

Num comunicado conjunto subscrito pela Premier League, Federação inglesa (FA) e Football League, face à crescente tendência dos jogadores perseguirem os árbitros, as entidades anunciaram que uniram forças na tentativa de acabar com o problema.

Os responsáveis pelo futebol em Inglaterra estão preocupados com as situações, cada vez mais comuns nos relvados, de jogadores e dirigentes rodearem os árbitros de forma ameaçadora, estabelecendo contacto físico e gritando insultos, que são um mau exemplo para os mais jovens.

Um dos incidentes que sustenta a necessidade de adoção de uma abordagem mais dura a este problema envolveu o avançado Jamie Vardy, do campeão Leicester, expulso pelo árbitro Jonathan Moss, em abril, após um pretenso mergulho no jogo com o West Ham.

Outro dos exemplos apontados pelos dirigentes ingleses como a evitar envolveu os incidentes e picardias entre jogadores no empate a 2-2 entre o Tottenham e o Chelsea, em maio, e que originou a aplicação de pesadas multas a ambos os clubes.

O Chelsea e o Tottenham foram multados em 375 mil libras (477 mil euros) e 225 mil libras (286 mil euros), respetivamente, dada a incapacidade revelada dos dois clubes londrinos em "controlarem os seus jogadores e restantes membros da equipa".

Ao longo da partida, que terminou com um empate 2-2, sucederam-se as entradas duríssimas e as agressões, com o árbitro Mark Clattenberg a mostrar por 12 vezes o cartão amarelo, nove a jogadores do Tottenham, que acabaram o jogo completamente de 'cabeça perdida' (o Tottenham necessitava de vencer para se manter na corrida ao título).


Lusa

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.