sicnot

Perfil

Desporto

Guardiola antevê "muito bom trabalho" de Lopetegui na seleção espanhola

© Craig Brough / Reuters

O treinador do Manchester City, Pep Guardiola, assumiu hoje a satisfação com a nomeação de Julen Lopetegui para selecionador espanhol de futebol, antevendo que o antigo técnico do FC Porto vai fazer "muito bom trabalho".

"O Julen é um bom amigo. Estou contente pela sua contratação. Desejo-lhe o melhor a ele e, por consequência, à seleção espanhola", afirmou Guardiola, durante uma conferência de imprensa, em Pequim, considerando que "pode manter o que foi conseguido na última década por Luis Aragonés e Vicente del Bosque".

Recordando a experiência de Lopetegui nas seleções jovens de Espanha, ao serviço das quais conquistou os títulos europeus de sub-19, em 2012, e sub-21, em 2013, Guardiola justificou a convicção de que "vai fazer muito bom trabalho".

Guardiola compareceu em conferência de imprensa, para antecipar o 'dérbi' de Manchester, frente ao United, na segunda-feira, e assegurou que vai cumprimentar o treinador português José Mourinho.

"Porque não nos deveríamos cumprimentar? Não há nenhuma razão [para não o fazer]. Ele quer ganhar e eu também, só isso", referiu o catalão, reiterando que a saudação vai ocorrer, porque ambos são "educados".

O treinador dos 'citizens' espera um United mais forte com Mourinho, recusando reduzir o desempenho dos 'red devils' à derrota por 4-1 com o Borussia Dortmund.

"Estou certo de que vão ser melhores do que nos anos passados, com este novo treinador e com os bons jogadores que já têm e estou seguro de que vão contratar mais, vão formar uma equipa forte", afiançou.

Lusa

  • 2,1%. As reações ao défice de 2016

    Economia

    O défice orçamental ficou mesmo nos 2,1% do PIB. Os partidos já reagiram àquele que é o valor mais baixo em democracia.

  • Comboios Alfa vão ter bancos com tomadas elétricas e wi-fi
    2:06
  • Novas imagens dos momentos após Khalid Masood ter embatido no muro do Parlamento britânico
    1:35
  • Nus e acorrentados em frente a Auschwitz

    Mundo

    Catorze pessoas com idades entre os 20 e os 27 anos despiram-se e acorrentaram-se em frente ao portão de Auschwitz, antigo campo de concetração nazi na Polónia, depois de terem degolado um carneiro. Ninguém sabe ainda porquê.

  • A coleção de gerigonças de Ana Catarina Mendes
    1:51
  • Parlamento português pede demissão de Dijsselbloem

    País

    A Assembleia da República foi hoje unânime na condenação das polémicas declarações do presidente do Eurogrupo, mas recusou um ponto pela rejeição de diversos compromissos com a União Europeia (UE) exigida pelo PCP.

  • Probido fumar na praia? Não-fumadores aplaudem ideia
    1:33
  • Viaduto de Alcântara condicionado
    1:36

    País

    O viaduto de Alcântara, em Lisboa, continua com o trânsito condicionado mas apenas sobre o tabuleiro e no sentido Alcântara Terra - Alcântara Mar. A circulação só será reposta depois de uma nova vistoria, ainda sem data marcada.

  • Como se resolve a falta de espaço numa cidade chinesa?
    1:07