sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto empatou a uma bola com o Bayer Leverkusen

O FC Porto empatou hoje 1-1 com os alemães do Bayer Leverkusen, em jogo de futebol de preparação disputado na Alemanha, que marcou o fim do estágio de pré-temporada dos dragões.

MARIUS BECKER

André Silva, eleito melhor jogador da II Liga na época passada pela equipa B dos portistas, marcou ainda na primeira parte, mas o mexicano Chicharito igualou o marcador no segundo tempo, no jogo disputado em Bergisch Gladbach.

No que já pode ser entendido como um esboço muito próximo das opções titulares de Nuno Espírito Santo para a temporada, os 'dragões' alinharam com Casillas na baliza, um quarto defensivo constituído por Máxi Pereira, Felipe, Marcano e Layún, André André, Herrera e Bueno no meio-campo e a frente de ataque foi entregue a Otávio, Corona e André Silva.

O FC Porto chegou ao intervalo em vantagem, com o tento de André Silva, marcado aos oito minutos, após trabalho do brasileiro Otávio na ala esquerda, de onde cruzou para o ponta de lança, que, apesar da má receção, conseguiu emendar com sucesso.

O terceiro classificado da liga alemã na temporada passada, com o mexicano Chicharito na frente e o esloveno Kampl na condução dos ataques, ia pondo à prova o guardião espanhol, obrigado a aplicar-se aos quatro e aos 24 minutos para evitar o golo adversário.

O técnico portista operou nove substituições ao intervalo, fazendo alinhar José Sá (guarda-redes), Alex Teles (defesa), Rúben Neves, João Teixeira, Evandro (médios), Brahimi, Varela e Adrian López (avançados).

O mexicano Chicharito, após triangulação no topo da área portista, apareceu isolado frente a José Sá e, aos 58 minutos, empatou a partida.

Aos 63, entraram em jogo, pelos portistas, os defesas Chidozie e Diego Reyes, assim como o atacante Aboubakar, com a equipa a jogar com Varela a defesa direito, como já acontecera frente ao Osnabruck (vitória por 2-1).

As muitas substituições, de parte a parte, não ajudaram ao espetáculo e o jogo ganhou em repelões o que perdeu em consistência, embora os portistas tenham mostrado, sobretudo no ataque, algumas soluções interessantes.

O regressado Adrián López, espanhol reintegrado na parte final do estágio (que terminou hoje), deu boas indicações e entendimento com Aboubakar, mas foi João Teixeira (ex-Liverpool) quem mais deu nas vistas, tanto na envolvência ofensiva, como na ajuda ao setor mais recuado.

O colombiano Quintero voltou a não ser usado e o médio Danilo vai juntar-se ao plantel já em Portugal.

Lusa

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Dissolução da União Soviética aconteceu há 25 anos

    Mundo

    Assinalam-se esta quinta-feira 25 anos desde o fim do acordo que sustentava a União Soviética. A crise começou em 80, mas aprofundou-se nos anos 90 com a ascensão de movimentos nacionalistas em praticamente todas as repúblicas soviéticas.