sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto empatou a uma bola com o Bayer Leverkusen

O FC Porto empatou hoje 1-1 com os alemães do Bayer Leverkusen, em jogo de futebol de preparação disputado na Alemanha, que marcou o fim do estágio de pré-temporada dos dragões.

MARIUS BECKER

André Silva, eleito melhor jogador da II Liga na época passada pela equipa B dos portistas, marcou ainda na primeira parte, mas o mexicano Chicharito igualou o marcador no segundo tempo, no jogo disputado em Bergisch Gladbach.

No que já pode ser entendido como um esboço muito próximo das opções titulares de Nuno Espírito Santo para a temporada, os 'dragões' alinharam com Casillas na baliza, um quarto defensivo constituído por Máxi Pereira, Felipe, Marcano e Layún, André André, Herrera e Bueno no meio-campo e a frente de ataque foi entregue a Otávio, Corona e André Silva.

O FC Porto chegou ao intervalo em vantagem, com o tento de André Silva, marcado aos oito minutos, após trabalho do brasileiro Otávio na ala esquerda, de onde cruzou para o ponta de lança, que, apesar da má receção, conseguiu emendar com sucesso.

O terceiro classificado da liga alemã na temporada passada, com o mexicano Chicharito na frente e o esloveno Kampl na condução dos ataques, ia pondo à prova o guardião espanhol, obrigado a aplicar-se aos quatro e aos 24 minutos para evitar o golo adversário.

O técnico portista operou nove substituições ao intervalo, fazendo alinhar José Sá (guarda-redes), Alex Teles (defesa), Rúben Neves, João Teixeira, Evandro (médios), Brahimi, Varela e Adrian López (avançados).

O mexicano Chicharito, após triangulação no topo da área portista, apareceu isolado frente a José Sá e, aos 58 minutos, empatou a partida.

Aos 63, entraram em jogo, pelos portistas, os defesas Chidozie e Diego Reyes, assim como o atacante Aboubakar, com a equipa a jogar com Varela a defesa direito, como já acontecera frente ao Osnabruck (vitória por 2-1).

As muitas substituições, de parte a parte, não ajudaram ao espetáculo e o jogo ganhou em repelões o que perdeu em consistência, embora os portistas tenham mostrado, sobretudo no ataque, algumas soluções interessantes.

O regressado Adrián López, espanhol reintegrado na parte final do estágio (que terminou hoje), deu boas indicações e entendimento com Aboubakar, mas foi João Teixeira (ex-Liverpool) quem mais deu nas vistas, tanto na envolvência ofensiva, como na ajuda ao setor mais recuado.

O colombiano Quintero voltou a não ser usado e o médio Danilo vai juntar-se ao plantel já em Portugal.

Lusa

  • Marcelo saúda "forma rápida" como Conselho de Ministros "tratou de tudo"
    1:03

    País

    O Presidente da República lembra que é preciso convergência de forma a adotar rapidamente as medidas mais urgentes do plano de emergência. No concelho de Tábua, Marcelo Rebelo de Sousa destacou ainda os esforços do Conselho de Ministros, mas lembrou que as medidas anunciadas são apenas o início de um processo e não o fim.