sicnot

Perfil

Desporto

Daniel Mestre defende camisola amarela na estreia do salto de Fafe

NUNO VEIGA

Daniel Mestre (Efapel) defende hoje a sua liderança nos 160 quilómetros da segunda etapa da 78.ª Volta a Portugal em bicicleta, entre Viana do Castelo e Fafe, onde a meta é antecedida pelo emblemático salto percorrido nos ralis.

O corredor português, natural de Almodôvar, chegou ao topo da classificação geral ao vencer a primeira tirada na quinta-feira, em Braga, depois de ter sido quarto no prólogo, dispondo de seis segundos de vantagem sobre José Gonçalves (Caja Rural) e de nove para o seu chefe de fila Jóni Brandão, segundo e terceiro classificados, respetivamente.

O pelotão vai iniciar os 160 quilómetros da segunda etapa em linha às 13:00, na Avenida Marginal de Viana do Castelo, rumo a Fafe, onde, mais uma vez, cruza por duas vezes a meta, antes da chegada prevista para as 17:21, depois de enfrentar o Salto da Pedra Sentada, com um prémio de montanha de segunda categoria (142 km).

O habitualmente espetacular 'palco' do Rali de Portugal, no troço da Lameirinha, antecede, com os cerca de 2,2 quilómetros em estrada de terra, a descida para a meta, instalada na Praça 25 de Abril de Fafe.

Ao longo da jornada, os 142 corredores que terminaram a primeira tirada -- o dinamarquês Frederik Zeuner (Christina Jewelry) foi o primeiro desistente após uma queda -- vão enfrentar outras três contagens do prémio de montanha, uma de quarta categoria, no Alto de Covide (69,1 km), outra de segunda, em Caniçada (84,2), e uma de quarta, em Golães (125).

Até à previsível chegada ao 'sprint' em Fafe, os elementos mais velozes podem testar a prontidão em três metas volantes, a primeira em Barroselas (10,3), terra natal do chefe de fila da Rádio Popular-Boavista, Rui Sousa, seguindo-se Terras de Bouro (58,5) e outra já na malha urbana fafense (128,8).

Lusa

  • Ricardo Salgado constituído arguido no processo EDP

    País

    Ricardo Salgado foi constituído arguido no processo EDP. Uma notícia confirmada pela defesa do antigo banqueiro. A defesa de Ricardo Salgado diz ser falsa e despropositada a tese do Ministério Público e nega que o banqueiro tenha participado num suposto ato de corrupção em benefício do GES e da EDP.

  • "Não andámos a tomar calmantes, nem a dar abracinhos"
    0:52

    Desporto

    Rui Vitória recusa atirar a toalha ao chão. O treinador do Benfica acredita que ainda muito pode acontecer e revela a motivação da equipa depois da derrota com o FC Porto na Luz, que levou à perda da liderança a quatro jornadas do fim.

  • Passageiros do voo da Southwest Airlines usaram as máscaras de oxigénio ao contrário

    Mundo

    Uma pessoa morreu e sete outras ficaram feridas esta terça-feira depois de um avião da Southwest Airlines ter aterrado de emergência no aeroporto de Filadélfia, nos Estados Unidos. Ao longo da semana várias pessoas ligadas à aviação fizeram comentários sobre a forma como os passageiros utilizaram as máscaras de oxigénio, como é o caso de Bobby Laurie, um ex-comissário de bordo.

    SIC

  • "Se não querem que vos baixem as calças, não se tornem modelos"

    Cultura

    "Se não querem que vos baixem as calças, não se tornem modelos", esta foi apenas uma das declarações de Karl Lagerfeld sobre as denúncias de abuso sexual, que estão a marcar o mundo do cinema, da música e da moda. Numa entrevista, o diretor criativo da Chanel e da Fendi declarou mesmo que estava farto do #MeToo, o movimento usado para denunciar estes casos de abusos por todo o mundo.

    SIC

  • Já pode escolher uma morte amiga do ambiente

    Mundo

    Preocupa-se com o ambiente? Recicla? Prefere andar a pé ou partilhar transportes? Então saiba que a partir de agora a morte também pode ser amiga do ambiente. Desde caixões degradáveis de vime a cremação líquida, já é possível diminuir o impacto ambiental da morte.

    SIC

  • Mágico comove audiência do Britain's Got Talent com a história de cancro da mulher e da filha
    5:16