sicnot

Perfil

Desporto

Norueguesa Ada Hegerberg eleita melhor futebolista da Europa

A futebolista norueguesa Ada Hegerberg foi eleita Melhor Jogadora na Europa, um prémio organizado pela UEFA e anunciado esta quinta-feira em Monte Carlo, no Mónaco, após o sorteio para a Liga dos Campeões.

Hegerberg, de 21 anos, é jogadora do Lyon, da liga francesa, e da seleção norueguesa, tendo recolhido 13 dos 20 votos do júri, composto por jornalistas escolhidos pelo European Sports Media Group (ESM).

A sua ex-colega de equipa Amandine Henry, francesa, jogadora no Portland Thorns (EUA), ficou em segundo lugar, com quatro votos, seguida pela alemã Dzsenifer Marozsán, ex-Frankfurt e atualmente ao serviço da turma lionesa.

Ada Hegerberg é a primeira futebolista não-germânica a conseguir o estatuto de melhor jogadora nas competições europeias nas últimas três temporadas, depois de Celia Sasic (2014/15), Nadine Kessler (2013/14) e Nadine Angerer (2012/13).

"Era nossa ambição conquistar todos os troféus possíveis na temporada passada e conseguimo-lo", disse a eleita, que considerou o galardão "uma enorme honra".

Pelo Lyon, Hegerberg conquistou a Liga dos Campeões, o título nacional e a taça francesa, tendo marcado 33 golos no campeonato doméstico, 13 na 'Champions' e seis na fase de qualificação para o Europeu feminino.

Lusa

  • DIRETO: Portuguesa entre os 14 mortos dos atentados na Catalunha

    Ataque em Barcelona

    Uma das 13 vítimas mortais do atentado de ontem em Barcelona é de Lisboa e há uma outra portuguesa, a sua neta, desaparecida. Esta madrugada em Cambrils, cinco suspeitos foram abatidos e outra pessoa acabou por morrer, num segundo ataque. Há quatro detenções confirmadas. Siga aqui as últimas informações, ao minuto.

    Em atualização

  • Autoridades acreditam que suspeito do ataque nas Ramblas pertence a célula terrorista
    1:36
  • O momento em que os suspeitos foram abatidos em Cambrils
    2:35
  • Nível de ameaça terrorista em Portugal continua moderado
    1:31

    Ataque em Barcelona

    O primeiro-ministro garantiu hoje que, para já, o nível de ameaça terrorista em Portugal não vai ser alterado (o nível está no 4 em 5). Já o Presidente da República disse que não há tolerância possível e garante que há medidas preparadas caso o mesmo cenário venha a acontecer em Portugal.

  • Vento e calor provocam reacendimentos em Mação
    1:55
  • Ágata candidata-se à Câmara de Castanheira de Pera
    3:42