sicnot

Perfil

Desporto

Cédric Soares prolonga contrato com o Southampton até 2020

O defesa internacional português Cédric Soares prolongou por um ano o contrato com o Southampton, até 2020, anunciou esta sexta-feira o clube do campeonato inglês de futebol.

"Já tinha um acordo com o clube. Estou muito feliz. Deram-me confiança e mostraram-me que acreditam no meu futebol. Sinto-me parte desta família. Espero que alcancemos muitos sucessos no futuro", comentou Cédric, citado no site oficial do clube.

Cédric Soares, de 24 anos, que se sagrou em julho campeão europeu em representação da seleção portuguesa, prepara-se para disputar a segunda época ao serviço do Southampton, depois de ter disputado 27 jogos pelo clube inglês na temporada passada.

"É uma boa notícia para ele, para o clube e para a equipa. É um jogador internacional, que ganhou o Euro2016 e é importante que o clube consiga manter jogador deste nível", disse o treinador do Southampton, o francês Claude Puel.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".