sicnot

Perfil

Desporto

PSP diz que Sporting-FC Porto é um jogo de risco elevado

A PSP classificou esta sexta-feira de "risco elevado" o jogo de domingo, em Lisboa, entre o Sporting e o FC Porto, da terceira jornada da I Liga de futebol e para o qual se esperam 46 mil adeptos.

Numa nota de imprensa divulgada, a PSP informou ainda que a hora oficial de abertura das portas do jogo no domingo no estádio José Alvalade está prevista para as 16:00, mas a ação da força policial inicia-se logo pela manhã com a fiscalização do estacionamento para garantir "a necessária fluidez e circulação automóvel".

O Comando metropolitano de Lisboa da PSP prevê restrições pontuais ao trânsito automóvel e pedonal "somente em situação entendidas como medida de segurança necessária".

A classificação do jogo como "evento de risco elevado" decorre da legislação nacional devido à sua lotação.

Em conferência de imprensa, Carlos Cachudo, comissário da PSP, explicou que com o nível de alerta inalterado tomaram-se as "medidas habituais" para o primeiro clássico da época 2016/2017, mas também "adicionais" que refletem "um pouco" os atentados que acontecerem em alguns países.

"Mas não estamos à espera, não queremos que haja algo que venha a acontecer fora do normal. No entanto, temos as nossas valências e a qualquer momento se surgir uma contingência, os nossos meios serão rapidamente acionados", disse o agente, concretizando que as "medidas adicionais" passam por cortes de trânsito em locais de grande concentração de adeptos".

Escusando-se a concretizar o número de agentes da PSP mobilizado, Carlos Cachudo indicou tratar-te de "suficientes" e um "dispositivo adequado", havendo "medidas especiais que são tomadas em todos estes jogos".

"Teremos especial atenção no acompanhamento dos adeptos, garantir que há uma separação que não permita o cruzamento entre adeptos do FC Porto e do Sporting. O nosso papel é preventivo para garantir que tudo corre dentro da máxima segurança e comodidade para os espetadores", notou.

O oficial precisou que haverá um acompanhamento, por agentes do Comando Metropolitano do Porto, dos esperados 2.500 adeptos a partir da cidade Invicta, que se irão concentrar, em Lisboa, em zonas da Avenida Padre Cruz.

Posteriormente, os adeptos 'azuis e brancos' serão conduzidos até à porta 1 do estádio de Alvalade, uma altura em que apoiantes do Sporting que costumam utilizar por essa entrada poderão escolher as portas 2 (para os lugares do lado nascente) e 4 (para lugares do lado poente), segundo o comissário.

O oficial da polícia repetiu os habituais conselhos, que passam pelo uso dos transportes públicos e evitar malas e mochilas para evitar atrasos nas entradas para dentro do estádio.

Lusa

  • Michelle Obama partilhou momento de despedida da Casa Branca
    1:43
  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Trabalhadores da saúde iniciam greve nacional

    País

    Trabalhadores da saúde estão esta sexta-feira a cumprir uma greve a nível nacional para reivindicar a admissão de novos profissionais, exigir a criação de carreiras e a aplicação das 35 horas semanais a todos os funcionários do setor.

  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Juiz brasileiro morto em acidente aéreo investigava corrupção na Petrobras
    1:28
  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.

  • Podem as plantas ver, ouvir e até reagir?

    Mundo

    Um professor de Ciências Vegetais da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, passou quatro décadas a investigar as relações entre vegetais e insetos. Na visão de Jack Schultz, as plantas são "como animais muito lentos", que conseguem ver, ouvir, cheirar e até têm comportamentos próprios.