sicnot

Perfil

Desporto

Presidente da FIFA garante que vai receber menos de 1,8 milhões por ano

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, revelou que vai receber um salário inferior a dois milhões de francos suíços por ano (cerca de 1,8 milhões de euros), bastante menos que o seu antecessor, Joseph Blatter.

O presidente da FIFA, Gianni Infantino, revelou que vai receber um salário inferior a dois milhões de francos suíços por ano (cerca de 1,8 milhões de euros), bastante menos que o seu antecessor, Joseph Blatter.

Numa entrevista ao jornal suíço Blick, publicada hoje, Infantino disse que o seu salário "será menos que os dois milhões de francos suíços que muita gente anda a falar".

Na mesma entrevista, o novo presidente da FIFA considerou "completamente arbitrários e insultuosos" os salários que se praticavam antes da sua chegada ao organismo.

Em Maio, três meses depois de Infantinno ter assumido a presidência da FIFA, ocorreu a primeira 'cisão' no organismo, com a demissão do presidente da Comissão de Auditoria, Domenico Scala, em protesto contra medidas que considerou ameaçarem a independência deste órgão.

Esta decisão foi tomada depois de Infantino ter transferido para o Comité Executivo a competência de nomear ou demitir os presidentes das comissões de Ética e de Auditoria, o que, para Scala, "priva esses organismos da sua independência" e também "destrói um dos principais motivos das reformas".

Infantino referiu que o seu salário será fixado na próxima reunião da Comissão de Auditoria, já sem Domenico Scala.

Sobre as reuniões que ainda manteve com Scala, Infantino disse que tinha uma "expetativa de diálogo" e não esperava ser confrontado "com fatos consumados, como ocorreu com o senhor Scala, sem qualquer discussão".

NF // NF

Lusa/fim

NewsSubjects:- Desporto - Futebol

20160828T123900

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Brasil já tirou o "pé do chão"
    1:59

    Mundo

    Já começaram os desfiles e festas de carnaval, no Rio de Janeiro.Esta sexta feira foi o início oficial das celebrações com centenas de milhar de pessoas nas ruas até de madrugada.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Atores de Hollywood contra Trump
    1:44

    Mundo

    Centenas de pessoas juntaram-se em mais um protesto contra o presidente dos Estados Unidos. A manifestação, em Beverly Hills, juntou várias estrelas de Hollywood.