sicnot

Perfil

Desporto

"É com grande orgulho que posso dizer que sou campeão europeu"

"É com grande orgulho que posso dizer que sou campeão europeu"

André Gomes acredita que todos os jogadores da seleção portuguesa vão corresponder às exigências de Fernando Santos. O médio, que no verão assinou com o Barcelona, diz sentir-se muito orgulhoso com o que mudou na sua vida este verão e diz:"é com grande orgulho que posso dizer que sou campeão europeu".

  • André Gomes "muito satisfeito" com estreia no Barcelona
    0:31

    Desporto

    André Gomes mostrou-se satisfeito depois da estreia pelo Barcelona. O internacional português entrou aos 61 minutos no jogo em que a equipa catalã conquistou o troféu Joan Gamper ao vencer a Sampdoria por 3-2. O jogador afirmou que é preciso continuar a trabalhar e que está muito contente com a equipa.

  • André Gomes assina contrato com o Barcelona
    3:28

    Desporto

    André Gomes é o novo jogador do Barcelona. O médio português, que assinou por cinco épocas, diz que escolheu o melhor clube. A partir de agora, partilha o balneário com Ronaldo na seleção nacional e com Messi no campeonato espanhol.

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45

    País

    Durante a abertura do ano judicial, a Procuradora-Geral da República e o presidente do Supremo Tribunal aproveitaram para deixar um recado à ministra da Justiça: é urgente aprovar o novo estatuto de juízes e magistrados. O presidente do Supremo diz que é injusta a má imagem da Justiça e pediu contenção aos magistrados.

  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21