sicnot

Perfil

Desporto

Futebol português já movimentou mais de 200 milhões de euros

Futebol português já movimentou mais de 200 milhões de euros

O mercado de transferências ainda não fechou e, até agora, o futebol português já movimentou mais de 200 milhões de euros. O Benfica fez 64 milhões de euros em vendas e gastou 29 milhões em contratações. O Sporting fez 41 milhões de euros em vendas e gastou 27 milhões em contratações. Já o FC Porto fez 9,25 milhões de euros em vendas e gastou 24,7 milhões de reforços.

  • Rafa e Adrien são as principais incertezas do mercado de transferências
    2:21

    Desporto

    O mercado de transferências está quase a terminar, contudo ainda há incertezas no futebol português. O Sporting negou qualquer negociação para a saída de Adrien Silva. Já a imprensa inglesa fala numa proposta do Leicester por Adrien e Slimani, que pode chegar aos 56 milhões de euros. No Benfica, continua o impasse pela contratação de Rafa Silva ao Sporting de Braga. Os jogadores Lindelöf, Lisandro López e Salvio são alvo de cobiça, enquanto Carcela está de saída para o Granada. No Porto, Aboubakar foi cedido ao Besiktas e Mangala pode regressar ao Dragão.

  • Mercado de transferências continua agitado
    1:30

    Desporto

    O mercado continua agitado. O Futebol Clube do Porto garantiu Diogo Jota por empréstimo do Atlético de Madrid. O Sporting já sabe que não conta com João Mário para o clássico, o médio já está em Itália para representar o Inter de Milão.

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.