sicnot

Perfil

Desporto

Jesus multado em 765 euros pela expulsão, Sporting paga quase 10 mil euros

O treinador do Sporting, Jorge Jesus, foi esta terça-feira punido com uma multa de 765 euros, por protestos com a equipa de arbitragem no clássico da I Liga de futebol frente ao FC Porto, enquanto o clube acumulou quase 10.000 euros de multas.

Expulso durante a segunda parte da partida da terceira jornada, que os leões ganharam por 2-1, Jorge Jesus foi multado com base no artigo 140.º. do Regulamento de Disciplina da Liga, que não prevê qualquer suspensão, exceto caso seja alvo de um inquérito disciplinar que assim o determine.

De acordo com o mapa de castigos divulgado esta terça-feira, o Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol teve mão pesada para com o médico leonino Frederico Varandas, expulso no mesmo momento que Jorge Jesus, que foi suspenso por 30 dias e terá que pagar uma multa de 1.913 euros, ao abrigo do artigo 136, relativo à lesão da honra e da reputação dos agentes desportivos.

Com respeito à mesma partida, o Sporting foi multado em 9.372 euros, por casos distintos: 7.650 euros devido ao arremesso de objetos para dentro do campo e 1.722 euros por comportamento incorreto do público. Esta conduta motivou também uma multa de 1.148 euros ao FC Porto.

O mesmo mapa dá conta de uma outra multa de 357 euros aplicada aos leões, mas relativa à partida da quinta jornada da II Liga, a da receção do Sporting B ao Vizela, por incumprimento de deveres impostos pelo regulamento.

Lusa

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.