sicnot

Perfil

Desporto

Hamilton iguala Fangio e Senna com três "pole positions" seguidas em Monza

O piloto britânico Lewis Hamilton conseguiu este sábado a terceira "pole position" consecutiva no Grande Prémio de Itália de Fórmula 1, no circuito de Monza, igualando os lendários Juan Manuel Fangio e Ayrton Senna.

Em Monza, na 14.ª prova do Mundial, o piloto da Mercedes conseguiu a sua 56.ª 'pole' da carreira, igualou o argentino e o brasileiro, com uma volta em 1.21,135 que deixou o seu companheiro de equipa, o alemão Nico Rosberg, a quase meio segundo

Juntamente com Rosberg, que o persegue no Mundial, a nove pontos, o tricampeão mundial e líder do campeonato permitiu à Mercedes uma supremacia confortável sobre os Ferrari do alemão Sebastian Vettel, quatro vezes campeão do mundo, e do finlandês Kimi Raikkonen, que saboreou o título em 2007.

Esta é a terceira 'pole' consecutiva de Hamilton no Grande Prémio de Itália e a quinta no total em Monza, podendo repetir um 'hat-trick' de triunfos no domingo, algo que Fangio fez em 1955.

"Estar lá em cima com Senna e Fangio é algo que nunca pensei ser possível num milhão de anos", disse Hamilton.

Esta foi a 41.ª 'dobradinha' da Mercedes, que iguala o domínio da Red Bull quando tinha Vettel e Mark Webber como piloto.

Agora Hamilton persegue o quarto triunfo em Itália, que permitiria o seu 50.º êxito em grandes prémios e aumentaria o atual avanço de nove pontos para Rosberg (232-223). O australiano Daniel Ricciardo (Red Bull) é terceiro, com 'apenas' 151 pontos.

O finlandês Valtteri Bottas vai partir na quinta posição, à frente dos dois Red Bull de Ricciardo e do holandês Max Verstappen.

Lusa

  • O primeiro eclipse solar do ano
    0:57
  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16

    Economia

    A Nokia chegou a ser uma das maiores empresas do mundo devido ao fabrico de telemóveis. Caiu, mas acaba de fazer renascer um dos sucessos de vendas do início do milénio. O anúncio foi feito este domingo, em Barcelona.