sicnot

Perfil

Desporto

Kosovo recebe nove reforços de outras seleções

A FIFA permitiu, esta segunda-feira, a nove futebolistas que já jogaram por outras seleções representar agora o Kosovo, horas antes do seu primeiro desafio numa prova de apuramento para o Campeonato do Mundo de 2018, na Rússia.

Fanol Perdedaj, Bersant Celina, Hekuran Kryeziu, Albert Bunjaku, Enis Alushi, Sinan Bytyçi, Vedat Muriç, Erton Fejzullahu e Elbasan Rashani são os atletas que já representaram outras seleções e agora vão poder jogar pelo Kosovo.

Atualmente, há 24 jogadores com raízes no Kosovo a competir por outras seis seleções, a maior parte pela Albânia, que já lamentou a deserção de quatro elementos que a representaram no Euro2016 vencido por Portugal.

De acordo com as regras da FIFA, ninguém que tenha representado outra equipa nacional pode fazer a troca, porém estes atletas pediram, individualmente, essa permissão em favor do 210.º membro da instituição que gere o futebol mundial.

O país balcânico declarou a independência da Sérvia em 2008, ato reconhecido por cerca de 100 países, entre os quais não está a Rússia.

A Sérvia opôs-se veementemente à admissão do país à FIFA, algo que aconteceu pouco depois da UEFA ter aprovado a sua adesão.

No apuramento para o Mundial2018 da Rússia, o Kosovo integra o Grupo I, juntamente com Finlândia, Croácia, Islândia, Ucrânia e Turquia.

A seleção kosovar estreia-se hoje na fase de apuramento europeia na Finlândia.

Lusa

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.