sicnot

Perfil

Desporto

Portugal inicia hoje fase de qualificação para o Mundial com jogo na Suíça

Portugal inicia hoje a fase de qualificação para o Mundial2018 de futebol com um difícil jogo na Suíça, principal rival no Grupo B, num encontro em que terá algumas baixas, incluindo Cristiano Ronaldo.

Além do capitão da seleção, Renato Sanches vai falhar o encontro em Basileia, igualmente devido a problemas físicos, e nos últimos dias Fernando Santos perdeu André Gomes, que saiu lesionado do particular com Gibraltar (5-0).

No Grupo B, que também inclui Andorra, Hungria, Ilhas Faroé e Letónia, a seleção helvética aparece como o principal rival de Portugal na luta pelo primeiro lugar do agrupamento, o único que dá acesso direto ao próximo Campeonato do Mundo.

Para estar pela sétima vez num Mundial, quinta consecutiva, sem ter que passar pelo 'play-off', é importante para a seleção lusa 'sobreviver' em Basileia, num país de que apenas por uma vez regressou a casa com a vitória na 'bagagem' (1989), em jogos oficiais.

Em terras helvéticas, Fernando Santos vai tentar manter a sua invencibilidade desde que tomou conta da formação das 'quinas', somando para já 14 jogos oficiais sem conhecer o sabor da derrota.

Portugal vai tentar somar a quinta vitória consecutiva e o 10.º jogo sem perder no arranque de uma fase de apuramento para o Campeonato do Mundo, sendo que a última vez que sofreu um desaire numa primeira jornada foi para o Mundial1978.

Do lado da Suíça, seleção comandada por Vladimir Petkovic, o extremo Xherdan Shaqiri é a grande baixa. O jogador do Stoke City, que é uma das principais figuras da formação helvética, está lesionado.

O 21.º encontro entre as duas seleções está agendado para as 20:45 (19:45 de Lisboa) e terá arbitragem do espanhol Antonio Mateu Lahoz.

Lusa

  • "Podemos estar a sair da União Europeia, mas não vamos sair da Europa"
    0:40
  • Viver em Évora
    5:11
  • Projeto piloto no Porto com o objetivo de detetar Ambliopia em crianças
    1:16

    País

    São resultados que dizem respeito apenas ao Grande Porto, mas que podem dar uma ajuda para traçar o panorama nacional: 13% das crianças que participaram num rastreio à saúde visual tiveram de ser encaminhadas para consultadas da especialidade. O projeto piloto foi implementado em quatro concelhos do norte do país, mas pode ser alargado.

  • Presidente catalão garante ter plano de contingência
    2:14