sicnot

Perfil

Desporto

Tiger Woods pondera regresso ao golfe após dois anos

© Reuters

O golfista Tiger Woods, antigo número um mundial, pondera o seu regresso ao circuito profissional em outubro, do qual está afastado há mais de um ano, anunciou o desportista norte-americano.

"Cheguei a um ponto da minha convalescença em que posso incluir algumas competições no meu programa, mas ainda tenho muito trabalho pela frente", afirmou Woods, na sua página oficial na internet.

Tiger Woods está afastado dos greens desde outubro de 2015, quando foi sujeito a uma intervenção cirúrgica às costas, mas as suas palavras revelam vontade de regressar à competição: "A decisão de disputar estas provas depende dos meus progressos de saúde, mas espero voltar ao mais alto nível".

Com 40 anos de idade, Woods, vencedor de 14 majors, prevê participar no Open Safeway, entre 13 e 16 de outubro, em Napa, Califórnia, a que se seguirá o Open da Turquia (de 03 a 06 de novembro).

Lusa

  • Jovem que morreu numa estância de esqui em Espanha sofreu um aneurisma
    1:26
  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Três letras de Zeca Afonso

    Cultura

    No dia em que se assinalam 30 anos da morte de Zeca Afonso, Raquel Marinho, jornalista da SIC e divulgadora de poesia portuguesa contemporânea, escolhe três letras do cantor e autor para dizer, em forma de homenagem.

    Raquel Marinho

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira