sicnot

Perfil

Desporto

Paris propõe-se gastar 145 M€ na organização dos Jogos Olímpicos de 2024

Paris vai gastar 145 milhões de euros para construir e renovar as infraestruturas necessárias para acolher os Jogos Olímpicos de 2024, anunciou e a candidatura francesa.

Na próxima semana, o Conselho de Paris deverá votar uma deliberação que autorize formalmente a Câmara de Paris a assinar as garantias financeiras requeridas pelo Comité Olímpico Internacional (COI) para que uma cidade possa acolher os Jogos Olímpicos.

"É uma etapa formal, mas, ao mesmo tempo, extremamente importante", salientou à AFP Jean-Francois Martins, adjunto do desporto da Câmara de Paris.

Paris tem previsto investir 30 milhões de euros na construção de uma segunda arena em Bercy e 21 milhões num centro aquático, a erguer junto do Stade de France, com a Aldeia Olímpica a estar orçada em quatro milhões.

O restante montante será alocado a renovações, com 25 milhões de euros reservados para os locais de treino, 12,5 para a piscina de Marville, em Seine Saint-Denis, no norte de Paris, e 6,5 para o estádio Pierre-de-Coubertin.

A capital francesa concorre com Roma, Budapeste e Los Angeles pela organização dos Jogos Olímpicos de 2024. A votação final vai acontecer em setembro de 2017, em Lima.

Lusa

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".