sicnot

Perfil

Desporto

Paul Gascoigne multado por comentário racista

© Reuters

O antigo futebolista inglês Paul Gascoigne foi esta segunda-feira condenado a pagar uma multa de 1.168 euros acrescida de uma indemnização do mesmo valor por ter proferido um comentário racista dirigido a um segurança.

O juiz Graham Wilkinson considerou que Paul Gascoigne, de 49 anos, humilhou Errol Rowe, quando este desempenhava funções de segurança durante o programa televisivo "Uma noite com Gazza", a 30 de novembro de 2015, ao fazer-lhe o seguinte pedido: "importa-se de sorrir se faz favor, porque não consigo vê-lo?".

"Você (Paul Gascoigne) procurou fazer sorrir uma plateia de mais de mil pessoas por causa da cor da pele de Rowe", considerou o juiz do tribunal de Dudley, Graham Wilkinson, antes de proferir a sentença que condena o ex-internacional.

Paul Gascoigne, conhecido no meio futebolístico por Gazza, teve uma carreira em que equilibrou o talento com a polémica e uma vida de excessos, ao serviço de clubes como o Newcastle, Tottenham, Lazio, Glasgow Rangers e Everton.

Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.