sicnot

Perfil

Desporto

SAD do Benfica com o maior resultado líquido de sempre

A Benfica SAD anunciou esta bquarta-feira um resultado líquido de 20,4 milhões de euros no exercício de 2015/2016, o maior de sempre desde a sua constituição, no terceiro ano consecutivo em que atingiu resultados positivos.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), divulgado na página internet do regulador, a SAD do Benfica contabiliza em 38,4 milhões de euros o seu resultado operacional consolidado, um aumento de 25 por cento em relação ao período transato.

Em 2014/15, a Benfica SAD apresentou um resultado líquido de 7,1 milhões de euros, tendo assim alcançado um aumento de 188,4 por cento (20,4 milhões de euros).

Os 'encarnados' esclarecem ainda que os resultados operacionais, excluindo transações com atletas, ascenderam a 126,1 milhões de euros, um acréscimo de 23,6 por cento.

A venda de jogadores como Renato Sanches, Nicolás Gaitán e outros arrecadou 81,9 milhões de euros, o que resultou em rendimentos totais de 211,9 milhões de euros, um novo recorde nas contas da SAD benfiquista.

O passivo consolidado da Benfica SAD aumentou seis por cento, para 455,5 milhões de euros, enquanto o ativo consolidado passou a ser de 476,4 milhões de euros, um acréscimo de 10,7 por cento.

Em 2015/16, a Benfica SAD não necessitou de novos financiamentos bancários e reduziu a sua dívida bancária em 49,7 milhões de euros.

Lusa

  • Benefícios fiscais trouxeram a Portugal 10 mil estrangeiros em 2015

    Economia

    Os benefícios fiscais em Portugal atraíram mais de 10 mil estrangeiros no ano passado. A maioria vem com o estatuto de residente não habitual, que dá isenção total de IRS aos reformados por dez anos e 20% de isenção no imposto para profissionais que estiverem ligados a atividades de valor acrescentado como Psicologia, Investigação ou Medicina.

  • Trump e os jornalistas: uma relação (su)rreal
    2:08
  • Novo campo de refugiados construído em Mossul

    Mundo

    Um novo campo de refugiados foi construído em Mossul, no Iraque. Com cerca de 4 mil tendas, foi construído durante 45 dias para albergar os deslocados que se prevê que aumentem com a atual ofensiva militar na zona ocidental da cidade.