sicnot

Perfil

Desporto

João Sousa eliminado nos quartos do torneio de ténis de São Petersburgo

O tenista português João Sousa, oitavo cabeça de série, foi eliminado esta sexta-feira nos quartos-de-final do torneio de São Petersburgo, ao perder em três sets com o espanhol Roberto Bautista Agut, quatro pré-designado da prova russa.

Sousa, 34.º classificado do ranking mundial e número um português, venceu o primeiro parcial por 6-2, mas foi incapaz de contrariar Agut nos dois seguintes, perdendo de forma inequívoca, por 6-1 e 6-2, após uma hora 40 minutos de encontro.

Com a derrota sofrida esta sexta-feira na Rússia, Sousa passou a deter um saldo de duas vitórias e duas derrotas no circuito ATP frente a Agut, número 16 do mundo, que venceu os dois últimos confrontos com o tenista português, ambos este ano.

Nas meias-finais, o espanhol vai defrontar o vencedor do encontro entre o suíço Stan Wawrinka, primeiro favorito, e o sérvio Viktor Troicki, sétimo cabeça de série, que eliminou o português Gastão Elias logo da ronda inaugural.

Lusa

  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.