sicnot

Perfil

Desporto

Manchester City prossegue caminhada vitoriosa na Liga inglesa

© Reuters Staff / Reuters

O Manchester City prosseguiu este sábado a caminhada 100% vitoriosa no campeonato inglês de futebol, apesar de ter-se deparado com dificuldades inesperadas para vencer o Swansea por 3-1, em jogo da sexta jornada da prova.

O avançado argentino Sergio Aguero colocou o City em vantagem logo aos nove minutos, mas o Swansea empatou de imediato, aos 13, por intermédio do espanhol Fernando Llorente, e a equipa treinada por Pep Guardiola só voltou a quebrar a resistência dos anfitriões na segunda parte.

Uma grande penalidade cometida pelo holandês Mike van der Hoorn permitiu a Aguero 'bisar', na respetiva transformação, aos 66 minutos, e a equipa de Manchester sentenciou o encontro pouco depois, aos 77, na sequência de um bom trabalho individual de Raheem Sterling.

O City conquistou a sexta vitória em igual número de jogos na prova, detendo quatro pontos de vantagem sobre o Tottenham, segundo classificado, que hoje se impôs por 2-1 no estádio do Middlesbrough, graças aos dois golos marcados pelo sul-coreano Heung-Min Son.

O Liverpool aproveitou a derrota por 1-0 do Everton no terreno do Bournemouth para igualar o rival citadino no terceiro lugar, por força também da goleada na receção ao Hull City, por 5-1, em que beneficiou de duas grande penalidades, concretizadas por James Milner, e da expulsão de Ahmed Elmohamady à passagem da meia hora.

O Manchester United, treinado pelo português José Mourinho, surge no quinto posto, já a seis pontos do rival City, depois de hoje ter regressado às vitórias na Liga inglesa, após duas derrotas seguidas, ao impor-se no seu recinto ao Leicester, campeão em exercício, por 4-1.

O Leicester, que recebe na terça-feira o FC Porto, em jogo da segunda jornada do Grupo G da Liga dos Campeões, ainda resistiu 22 minutos, altura em que Chris Smalling assinou o primeiro golo, tendo os 'red devils' partido para uma grande exibição, chegando ao intervalo a vencer por 4-0 - Juan Mata, Marcus Rashford e Paul Pogba anotaram os restantes tentos.

A formação orientada por Claudio Ranieri ainda reduziu na etapa complementar, por Demarai Gray, aos 59, numa altura em que o United já tinha baixado o ritmo.

O Sunderland perdeu em casa por 3-2 com o Crystal Palace e ficou só na última posição, uma vez que o Stoke City, companheiro de infortúnio, empatou 1-1 na receção ao West Bromwich, numa ronda que ainda tem hoje um jogo 'grande', entre Arsenal e Chelsea.

Lusa

  • O resgate dos passageiros do naufrágio em Cascais
    1:48
  • É importante que "as pessoas não tenham medo" de denunciar o tráfico humano
    0:48

    País

    Manuel Albano, relator nacional para o tráfico de pessoas, concorda com a ideia de que é necessário continuar a investir na inspeção e na fiscalização para travar o tráfico de seres humanos, mas rejeita a denúncia do sindicato dos trabalhadores do SEF, que esta quinta-feira alertou para a "falta de controlo".

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
  • Salas de consumo assistido previstas na lei há 17 anos
    3:01
  • O que faz um guaxinim às duas da manhã num quartel de bombeiros?

    Mundo

    Os animais são muitas vezes os protagonistas de histórias incríveis ou até insólitas. Desde o cão mais pequeno ao urso mais assustador. Desta vez, o principal interveniente é um guaxinim, que foi levado até um quartel de bombeiros por uma dona muito preocupada. Porquê? O animal estava sob o efeito de drogas.

    SIC

  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC

  • Presidente do Uganda quer proibir sexo oral

    Mundo

    O Presidente do Uganda emitiu um aviso público durante um conferência de imprensa anunciando que vai banir a prática de sexo oral no país. Yoweri Museveni justifica o ato, explicando que "a boca serve para comer".

    SIC