sicnot

Perfil

Desporto

PSP reforça dispositivo policial para jogo entre Sporting e Legia de Varsóvia

O jogo desta terça-feira entre o Sporting e o Legia de Varsóvia merece uma "atenção especial" por parte da PSP, que reforçou o dispositivo para um encontro que considera de "alto risco".

O porta-voz do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP, comissário Sérgio Soares, disse à agência Lusa que o jogo para a Liga dos Campeões de futebol vai contar com "um dispositivo mais reforçado", sendo o normal para um encontro considerado de "alto risco".

Nesse sentido, estão mobilizados efetivos da terceira divisão da PSP de Lisboa, elementos da divisão de trânsito e das equipas de intervenção rápida, além de estarem em Lisboa três polícias polacos.

O porta-voz do Cometlis adiantou que em "último recurso" existirá também a opção dos elementos da Unidade Especial de Polícia, designadamente Corpo de Intervenção e Grupo Operacional Cinotécnico.

Segundo Sérgio Soares, a PSP tem conhecimento que estão em Lisboa adeptos "de risco acrescido".

Dos 800 bilhetes disponibilizados pelo Sporting, foram vendidos aos adeptos do Legia de Varsóvia 400 ingressos e, entre estes, constam adeptos perigosos.

Desde sexta-feira que a PSP está a fazer "um policiamento mais exaustivo" junto de alguns adeptos do clube polaco que já se encontram em Lisboa, nomeadamente nas zonas de diversão noturna, afirmou, avançando que a maioria chega esta quarta-feira à capital portuguesa.

Para tal, a Polícia de Segurança Pública montou um policiamento no aeroporto de Lisboa para detetar e monitorizar os adeptos com o objetivo de os acompanhar ao longo do dia.

Sérgio Soares disse ainda que a PSP está a preparar o jogo com as autoridades polacas há algumas semanas, tendo em conta os incidentes ocorridos em fevereiro de 2012, quando o clube de Alvalade recebeu o Legia de Varsóvia.

O jogo para a Liga dos Campeões de futebol entre o Sporting e o Legia de Varsóvia está agendado para as 19:45 no Estádio José Alvalade.

Lusa

  • Não há aumentos salariais no Estado para o ano
    1:18

    Economia

    O ministro das Finanças confirma a alteração dos escalões de IRS em 2018. É uma das medidas prioritárias para o próximo ano, a par do descongelamento das carreiras na função pública. Numa entrevista à Antena 1, Mário Centeno admite que não vai haver aumentos salariais no Estado no próximo ano

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00
  • Encontrado corpo da criança que desapareceu na praia de São Torpes
    0:55

    País

    O corpo da criança que tinha desaparecido na praia São Torpes, concelho de Sines, foi encontrado esta manhã fora de água, nas rochas, a 1,5 quilómetros do sítio onde tinha desaparecido, no passado dia 21. O alerta foi dado por um popular à Polícia Marítima, cerca das 8h00.

  • Marcelo diz que Europa não deve contar com benevolência dos aliados 
    1:19

    País

    O Presidente da República concorda com Angela Merkel, que este domingo defendeu que a Europa já não pode confiar a 100% nos países aliados. Numa conferência sobre o futuro da Europa, Marcelo Rebelo de Sousa defendeu que a União Europeia tem de assumir responsabilidades e protagonismo e não pode contar com a iniciativa e a benevolência dos aliados.

  • Novos casos de tuberculose caíram para metade

    País

    Portugal reduziu para metade o número de novos casos de tuberculose entre 2000 e 2016, segundo um relatório hoje divulgado, que mostra que, no ano passado, a taxa de incidência da doença foi de 18 por 100 mil habitantes.

  • Merkel sugere que a Europa já não pode contar com aliados como os EUA
    1:45

    Mundo

    Depois das cimeiras do G7 e da NATO,e sem nunca mencionar Donald Trump, a chanceler alemã diz que é tempo de cada país tomar conta do próprio destino. As declarações de Angela Merkel foram feitas em Munique numa ação de campanha da CDU e evidenciam incómodo em relação às posições manifestadas pelos EUA.

  • Bombeiro alvejado durante assalto em Buenos Aires
    1:07

    Mundo

    A polícia argentina está a investigar o assalto e a agressão a tiro a um bombeiro em Buenos Aires. O homem de 30 anos foi atacado por três jovens, o momento foi captado pelas câmaras de videovigilância. As imagens mostram o exato momento em que o bombeiro foi atacado pelo grupo, perto de um quiosque de alimentação automático. De acordo com as informações disponíveis, a vítima terá sido alvejada seis vezes.