sicnot

Perfil

Desporto

Gelson chamado pela 1ª vez à seleção

© Rafael Marchante / Reuters

O extremo do Sporting Gelson Martins é a grande novidade da convocatória de Fernando Santos para os jogos com Andorra e Ilhas Faroé. Antunes e Cristiano Ronaldo estão de regresso.

Os convocados

Guarda redes: Rui Patrício, Anthony Lopes e Marafona

Defesas: Cédric Soares, João Cancelo, Pepe, Bruno Alves, José Fonte, Raphael Guerreiro e Antunes

Médios: William Carvalho, Danilo, Adrien, André Gomes, João Mário, Renato Sanches, Bernardo Silva e Moutinho

Avançados: Éder, Gelson Martins, Quaresma, Nani, André Silva e Cristiano Ronaldo

Entre os 24 convocados, regista-se também o regresso do defesa esquerdo Antunes, do Dínamo de Kiev, e a saída de Eliseu, que não tem sido opção no Benfica.

O guarda-redes Marafona, chamado para os encontros com Gibraltar e com a Suíça devido à lesão que impediu o contributo de Anthony Lopes, mantém-se na convocatória, mas desta vez em detrimento de Eduardo, que não tem jogado no Chelsea.

O médio André Gomes, que falhou a deslocação à Suíça depois de se ter lesionado frente a Gibraltar, sendo rendido por André André, voltou a ser chamado de Fernando Santos, que deu preferência ao médio do FC Barcelona, deixando o jogador do FC Porto de fora.

Último classificado do Grupo B após a primeira jornada da fase de qualificação para o Mundial, Portugal recebe Andorra no Estádio Municipal de Aveiro, a 7 de outubro, num jogo em que se enfrentam as duas equipas ainda sem pontos. Três dias depois, a seleção portuguesa joga nas Ilhas Faroé, que arrancou com um surpreendente empate na Hungria (0-0).

A Suíça lidera o grupo, com três pontos, tantos quanto a Letónia, que se estreou com um triunfo em Andorra (1-0).

  • Alemães protestam contra a Extrema-Direita
    0:39
  • Incêndio urbano em Coimbra deixa cinco pessoas desalojadas

    País

    Um incêndio numa habitação na cidade de Coimbra deixou este domingo cinco pessoas desalojadas, disse à agência Lusa fonte dos Bombeiros Sapadores. Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra adiantou que o fogo destruiu uma parte substancial de um edifício de três andares em frente à sede da Associação Académica de Coimbra, na rua Padre António Vieira.