sicnot

Perfil

Desporto

Gijón condena e defende guarda-redes que insultou jornalista

O Sporting de Gijón condenou esta terça-feira os insultos do seu guarda-redes Iván Cuéllar a um jornalista, embora reconheça ao futebolista o direito de retificar uma notícia quanto ao seu alegado comportamento provocatório a adeptos do Deportivo.

"Condenamos as palavras e a forma como se expressou, mas por outro lado também lhe manifestamos o nosso total apoio quanto ao direito de réplica e retificação que lhe assiste", disse um conselheiro do clube.

Cuéllar insultou violentamente um jornalista por discordar de notícia publicada no meio digital em que trabalha, na Corunha, em que dizia que o futebolista teria provocado os adeptos ao sair do autocarro, quando, afinal, o seu olhar sério visava um adepto que estaria a ter um problema de saúde.

O dirigente lembrou que a reação do guarda-redes "não é o livro de estilo do Gijón" e lamentou os "danos de imagem" que o clube sofreu, revelando que já houve uma conversa com o atleta quanto ao facto.

Lusa

  • Grupo armado mata 26 cristãos no Egipto
    1:03
  • O "chega p'ra lá" de Trump
    2:35
  • Oliveira Costa "era incompetente para todos os lugares em que eu o vi"
    3:12
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    O caso BPN esteve em destaque no programa Quadratura do Circulo desta quinta-feira. Pacheco Pereira relembrou que os maiores prejuízos são posteriores à nacionalização e responsabiliza José Sócrates. O Jorge Coelho disse que se fez justiça e que é uma prova que o Estado de direito português está a funcionar. Lobo Xavier garantiu também que Oliveira Costa era incompetente por natureza.

  • A promessa e a peregrinação do Presidente no Luxemburgo
    2:28

    País

    O Presidente da República promete voltar ao Luxemburgo até ao final do ano, se houver mais 10 mil portugueses recenseados até julho. Marcelo Rebelo de Sousa participou esta quinta-feira na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, que todos os anos recebe milhares de emigrantes portugueses.

    Enviados SIC

  • Álcool é "de longe" a droga mais consumida pelos portugueses

    País

    O álcool é, "de longe", a substância mais consumida pelos portugueses que responderam ao maior inquérito `online` sobre consumo de drogas, com mais de 14% dos homens a descreveram padrões considerados problemáticos, segundo os resultados hoje divulgados.