sicnot

Perfil

Desporto

Pizzi chamado à seleção

O jogador do Benfica junta-se à seleção nacional esta quarta-feira. A informação é avançada pelo site da Federação Portuguesa de Futebol, que diz ainda que Nani não está apto para o jogo com Andorra.

A chamada de Pizzi deve-se à indisponibilidade de Nani, lesionado, para o primeiro jogo, com Andorra, na próxima sexta-feira, em Aveiro, na segunda jornada do Grupo B.

"De acordo com a avaliação da Unidade de Saúde e Performance da FPF, Nani não está apto para o jogo com Andorra. O jogador do Valência continua integrado no estágio da Seleção Nacional e faz trabalho específico de recuperação com vista ao jogo com as Ilhas Faroé", refere a nota publicada no site oficial da FPF.

No treino desta quarta-feira, o jogador do Valência continuou a fazer apenas trabalho de recuperação.

O mesmo comunicado acrescenta que Pizzi "integra o estágio da Seleção Nacional esta quarta-feira à tarde e participará no treino agendado para esta quinta-feira de manhã, na Cidade do Futebol".

Portugal volta a treinar na quinta-feira e à tarde viaja para Aveiro. Depois do encontro com Andorra, os atuais campeões europeus visitam as Ilhas Faroé, a 10 de outubro.

Com Lusa

  • André Silva orgulhoso em representar a seleção
    1:37

    Desporto

    Moutinho já treina sem limitações na seleção nacional, que prepara os jogos com Andorra e as Ilhas Faroé. Nani ainda não está totalmente recuperado. Os jogadores estão otimistas e o avançado André Silva fala em orgulho em representar a seleção.

  • Moutinho já treinou com a seleção

    Desporto

    João Moutinho treinou hoje integrado na seleção portuguesa de futebol, que prepara a dupla jornada com Andorra e Ilhas Faroé, de qualificação para o Mundial 2018, enquanto Nani continuou a fazer trabalho de recuperação e continua em dúvida.

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".