sicnot

Perfil

Desporto

Kelly Slater elogia surf nos Olímpicos mas não garante presença

Mark J. Terrill

O surfista norte-americano mais titulado de sempre, Kelly Slater, disse esta quinta-feira ser um "excitante desenvolvimento" o anúncio da inclusão do surf nos Jogos Olímpicos Tóquio2020.

"Julgo que a ideia de considerar o surf como um dos melhores desportos masculinos é algo muito especial para o crescimento deste desporto", elogiou, em declarações à AFP.

Apesar da aprovação à passagem do surf a modalidade olímpica, Slater admitiu que, mesmo assim, nunca teve "um forte sentimento contra ou a favor" desta decisão.

"Nós temos um tour mundial que determina o melhor surfista perante todo o tipo de condições. É preciso esperar para ver como é a consagração de um campeão olímpico num único ambiente", afirmou Slater, à margem duma competição referente à Liga Mundial de Surf, em Hossegor, no sudoeste de França.

Porém, a estreia deste desporto como modalidade olímpica coincidirá com o 48º aniversário de Kelly Slater. Por esse motivo, será improvável que o campeão mundial por 11 vezes participe nos Jogos Tóquio2020.

"Não tenho a certeza por agora, ainda faltam alguns anos. Nessa altura, haverá muitos jovens surfistas a disputar as duas vagas dos Estados Unidos nos Jogos Olímpicos", acrescentou.

Lusa

  • SIC faz-se à estrada para ouvir eleitores
    2:13
  • Furacão Maria ameaça Ilhas Virgens e Porto Rico

    Mundo

    O furacão Maria "potencialmente catastrófico" está a ameaçar as Ilhas Virgens e o Porto Rico, depois de esta terça-feira ter semeado a destruição na Dominica e provocado um morto e dois desaparecidos na ilha francesa de Guadalupe.

  • Pistolas Nerf podem causar graves lesões nos olhos

    Mundo

    As balas das pistolas Nerf, quando atingem os olhos, podem causar graves lesões. O aviso é de um grupo de médicos de Londres, que recomenda a utilização de óculos protetores e o aumento da idade mínima para a utilização dos brinquedos.

    SIC

  • Investigadores descobrem como transformar gordura "má" em gordura "boa"

    Mundo

    Uma equipa de investigadores da Universidade de Washington, Estados Unidos, descobriu como converter a gordura corporal "má" em gordura "boa", permitindo queimar mais calorias e atrasar o aumento de peso, num estudo conduzido em ratos. Estes resultados abrem caminho para a possibilidade de desenvolver tratamentos mais eficazes para a obesidade e para a diabetes associada ao aumento de peso em pessoas, segundo os autores.

  • Escola na Croácia usa imagem de Melania Trump para chamar alunos

    Mundo

    "Imagine até onde pode ir com um pouco de inglês", foi com estas palavras que uma escola de inglês da Croácia decidiu promover as suas aulas, juntando ainda a fotografia de Melania Trump ao placard do anúncio. Agora, a primeira-dama norte-americana ameaça levar o Instituo Americki a tribunal. Entretanto, o placard já foi retirado do local.

    SIC