sicnot

Perfil

Desporto

Piqué anuncia que deixará a seleção espanhola depois do Mundial de 2018

O central Gerard Piqué anunciou este domingo, depois do triunfo por 2-0 da Espanha na Albânia, que deixará a seleção espanhola de futebol após o Mundial de 2018, depois de se ver envolvido em nova polémica.

"Cansa-me que duvidem do meu compromisso. O Mundial da Rússia vai ser a minha última competição com a seleção e espero vivê-lo com muitas 'ganas'", afirmou o jogador do FC Barcelona, na zona mista do Estádio Loro Borici, em Shkoder.

No jogo de hoje na Albânia, Piqué apareceu com um corte na camisola de Espanha, que muitos interpretaram como uma forma de retirar a bandeira.

"Não sou bem recebido, apesar de dar tudo e de continuar a fazê-lo, pelo que é óbvio que muita gente acha que não devia estar aqui. Estou muito entusiasmado com o projeto do Julen (Lopetegui), que nos vai dar muito", disse.

Piqué afirmou que é essa a razão porque vai continuar "até ao Mundial".

"Começámos e acabaremos juntos", acrescentou o central do 'Barça', que cumpriu face aos albaneses o 86.º encontro pela principal seleção espanhola.

Lusa

  • "Os outros animais não vivem no mundo moral como nós"
    3:51

    País

    A presidente da associação ANIMAL, Rita Silva, tem a seu cargo o cão que, em 2013, ficou conhecido por ter estado envolvido na morte duma criança de 18 meses, em Beja. Segundo a ativista, vão continuar a acontecer episódios trágicos se a fiscalização não for reforçada e se os próprios donos não tiverem consciência da responsabilidade que implica ter um animal.

  • "Tanolas" tem cadastro criminal e já foi condenado a pena suspensa
    0:55