sicnot

Perfil

Desporto

Tiger Woods adia regresso à competição

Vencedor de 14 torneios do 'grand slam' e há 14 meses arredado da competição, o antigo número um do mundo também não jogará o Turkish Airlines Open, que deveria disputar em novembro.

© USA Today Sports / Reuters

O norte-americano Tiger Woods anunciou esta segunda-feira o adiamento do regresso à competição, que estava previsto para quinta-feira, no Safeway Open, em Napa, na Califórnia.

Woods, que na semana passada disse estar pronto para voltar a jogar após mais de um ano sem competir, devido às operações às costas a que se submeteu, informou que a sua decisão de prende mais com motivos de jogo do que com questões físicas.

Vencedor de 14 torneios do 'grand slam' e há 14 meses arredado da competição, o antigo número um do mundo também não jogará o Turkish Airlines Open, que deveria disputar em novembro.

"Depois de fazer um exame profundo das minhas condições de jogo e uma reflexão honesta, percebi que ainda não estou preparado para jogar no PGA Tour [circuito norte-americano] ou para competir na Turquia", afirmou Woods na sua página oficial de internet. "A minha condição física é boa e sinto-me forte, mas o meu jogo é vulnerável e não no nível em que devia estar", acrescentou.

Lusa

  • Enfermeiros especialistas em saúde materna retomam protesto 

    País

    Os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia voltam quinta-feira de manhã a interromper as funções especializadas, o que pode afetar blocos de parto e maternidades. Queixam-se de "falta de resposta política adequada" e "ausência de acordos sérios".

  • Cristas vaiada em bairro de Chelas
    1:44

    Autárquicas 2017

    Assunção Cristas promete mudanças na Gebalis, a empresa municipal que gere os bairros sociais em Lisboa. Esta manhã, a candidata do CDS à câmara visitou um bairro de Chelas, onde foi vaiada por alguns populares.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • "Em vez de ajudarem, estavam a tirar fotos dela a morrer"
    1:13