sicnot

Perfil

Desporto

André Silva eleito atleta revelação do ano do FC Porto

O ciclista Rui Vinhas, vencedor da edição de 2016 da Volta a Portugal, vai receber o prémio Dragão de Ouro para atleta do ano do FC Porto, enquanto o futebolista André Silva foi nomeado revelação do ano, anunciou esta terça-feira o clube.

Rui Vinhas, um corredor de palmarés modesto, ganhou a Volta a Portugal de forma surpreendente ao serviço da W52-FC Porto, que se apresentava com o vencedor das duas edições anteriores, o espanhol Gustavo Veloso, segundo classificado final.

O avançado André Silva, que aos 20 anos se tornou o mais jovem jogador a conseguir um 'hat-trick' ao serviço da seleção portuguesa de futebol, vai ser distinguido como atleta revelação do ano.

O jogador, que segunda-feira marcou por três vezes na vitória de Portugal sobre as Ilhas Faroé (6-0), em jogo do Grupo B de apuramento para o Mundial2018, é um dos dois elementos da equipa de futebol na lista revelada hoje pelos 'dragões', que inclui também Danilo Pereira, eleito futebolista do ano.

No que a treinador diz respeito, o vencedor foi Luís Castro, que conduziu o FC Porto B a uma inédita conquista da II Liga de futebol na época 2015/2016.

Na cerimónia de entrega dos prémios, que terá lugar a 24 de outubro, no Coliseu do Porto, será ainda distinguida a equipa de basquetebol, que se sagrou campeã nacional na época de regresso à Liga.

Lista de galardoados:

Atleta do Ano: Rui Vinhas (Ciclismo)

Futebolista do Ano: Danilo Pereira

Jovem Atleta do Ano: Sara Filipa Pinto (Boxe)

Treinador do Ano: Luís Castro (Futebol)

Atleta de Alta Competição do Ano: Brad Tinsley (Basquetebol)

Atleta Amador do Ano: Torbjörn Blomdhal (Bilhar)

Atleta Revelação do Ano: André Silva (futebol)

Dirigente do Ano: Vítor Hugo

Funcionário do Ano: Isabel Aires

Projecto do Ano: W52-FC Porto-Porto Canal (ciclismo)

Parceiro: MEO

Casa do FC Porto Nacional: Cantanhede

Casa do FC Porto Internacional: Long Island (Estados Unidos)

Carreira: Celestino Oliveira

Recordação: Luís César

Sócio do Ano: Renato Barroso

  • Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já têm cadastro
    1:59

    Crise no Sporting

    Sete dos 23 arguidos do caso da Academia de Alcochete já foram condenados por 22 crimes que cometeram no passado, mas nunca nenhum deles cumpriu pena de prisão ou prisão domiciliária. O juiz decretou a prisão preventiva na sequência das agressões à equipa do Sporting por entender que se tratou de um comportamento chocante, terrorista e a perversão do espírito desportivo.

  • Está a pensar ir à praia? Não se esqueça do guarda-chuva
    0:43
  • MP investiga ministro Siza Vieira, António Costa rejeita incompatibilidades
    2:12

    País

    O Ministério Público decidiu investigar o ministro Adjunto, Pedro Siza Vieira, por alegadas incompatibilidades. O governante criou uma empresa imobiliária um dia antes de tomar posse e manteve-se como gerente durante dois meses. A lei prevê a demissão, mas o primeiro-ministro já disse que se tratou apenas de um erro e o próprio ministro alega desconhecimento da lei.

  • EUA expulsa dois diplomatas venezuelanos e dá-lhes 48 horas para deixarem o país

    Mundo

    Os Estados Unidos anunciaram, na quarta-feira, a expulsão de dois diplomatas venezuelanos, aos quais deu um prazo de 48 horas para sairem do país. A decisão é a resposta ao anúncio de Presidente da Venezuela de expulsar o encarregado de negócios e o chefe da secção política da embaixada dos Estados Unidos em Caracas, Todd Robinson e Brian Naranjo, respetivamente.