sicnot

Perfil

Desporto

Miguel Oliveira tem autorização médica para participar no GP Japão em Moto2

Miguel Oliveira em Moto3

© Reuters

O piloto português Miguel Oliveira foi hoje autorizado a participar na ronda japonesa do Mundial de Moto2 de motociclismo, que se realiza este fim de semana em Motegi, depois de considerado apto pela comissão medica de MotoGP.

Miguel Oliveira, que fraturou uma clavícula no Grande Prémio de Aragão (Espanha), recebeu autorização para poder participar no GP do Japão, a primeira das três provas da ronda asiática do mundial, depois de observado pelos médicos.

O corredor luso estará na sexta-feira em pista aos comandos da Kalex da Leopard Racing para enfrentar as duas primeiras sessões de treinos livres da prova nipónica, que marca o arranque de uma fase final de campeonato com muitas corridas, quatro etapas em apenas cinco semanas.

"Passaram duas semanas desde que fui operado e a recuperação tem corrido bastante bem", referiu na quarta-feira o piloto, admitindo encontrar-se algo condicionado, devido ao facto de não se ter podido exercitar, mas motivado.

O piloto português, que este ano ingressou na categoria Moto2, depois de ter sido vice-campeão do mundo em Moto3, ocupa a 19.ª posição da classificação geral do Mundial do escalão intermédio de MotoGP.

Lusa

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..