sicnot

Perfil

Desporto

Jogador do Bétis esperou 20 minutos junto ao balneário só para conhecer Ronaldo

DR

O jovem jogador do Bétis de Sevilha, Charly Musonda Jr., esperou no último sábado cerca de 20 minutos à saída do balneário para conhecer Cristiano Ronaldo, depois do jogo entre a equipa andaluz e o Real Madrid, que os merengues venceram por 6-1.

Como é hábito, o internacional português foi o mais assediado pelos adeptos à saída do estádio Benito Villamarín, no caminho até ao autocarro da equipa da capital espanhola.

Ronaldo tentou aceder aos pedidos de todos os adeptos mas talvez não contasse com a abordagem do jovem avançado belga, de 20 anos, que está emprestado pelos ingleses do Chelsea.

Segundo a imprensa espanhola, Musonda esperou cerca de 20 minutos só para conhecer o avançado do Real Madrid, que, como é hábito, retribuiu com simpatia. Houve ainda tempo para uma curta troca de palavras e um registo fotográfico do momento, para a posterioridade.

Charly Musonda veste a camisola 7 no Bétis, tal como Ronaldo no Real, e admitiu que o internacional português é o seu maior ídolo.

  • Todos os distritos sob Aviso Amarelo devido ao frio

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera colocou Portugal continental sob Aviso Amarelo na quarta e na quinta-feira. Os termómetros vão estar abaixo de zero em todo o território, à exceção dos distritos de Lisboa, Porto e Faro.

  • Motim em prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos
    1:09

    Mundo

    Um novo motim numa prisão brasileira fez pelo menos 30 mortos. A prisão, que é a maior do Estado do Rio Grande do Norte, tem capacidade para 600 reclusos mas acolhe quase o dobro. Após o motim de 14 horas, a polícia já tem o controlo total da prisão.

  • Aqui também se vive
    16:07
  • Austrália condena Japão por caça de baleias no Oceano Antártico

    Mundo

    O Governo da Austrália condenou hoje o Japão por retomar a caça de baleias no Oceano Antártico, após a divulgação de imagens de um cetáceo morto a bordo de um barco japonês que se encontrava em águas protegidas.O ministro do Ambiente, Josh Frydenberg, manifestou "profunda deceção", um dia depois de a organização Sea Shepherd divulgar fotografias e vídeos de uma baleia minke no barco japonês Nisshin Maru.