sicnot

Perfil

Desporto

Zidane repudia considerações de Hollande sobre Benzema

Michael Sohn

O treinador do Real Madrid, Zinedine Zidane, repudiou esta segunda-feira as considerações do presidente francês, François Hollande, contra Karim Benzema, que acusou o futebolista de "falta de moral".

"Todas as coisas que se escrevem sobre um jogador incomodam-me. As palavras de Hollande são descabidas. Podem criticar o teu trabalho, mas não dizer coisas estranhas. Não compactuo com palavras de algumas pessoas", referiu Zidane, em conferência de imprensa.

Num livro publicado na semana passada, que resulta de uma série de entrevistas com dois jornalistas, Hollande acusa Benzema de falta de moralidade.

"Benzema não é um exemplo de moralidade", escreveu o presidente francês, no livro.

O Real Madrid, atual campeão europeu, prepara a receção ao Légia de Versóvia, terça-feira, em jogo da terceira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Os madrilenos lideram o grupo F, com quatro pontos, mais um que o Sporting, terceiro classificado.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.