sicnot

Perfil

Desporto

José Mourinho diz que Martial tem de ouvi-lo e "não ao seu empresário"

© Reuters Staff / Reuters

José Mourinho, treinador do Manchester United, aconselhou este sábado o futebolista francês Anthony Martial, autor do primeiro golo na vitória dos 'red devils' sobre o Middlesbrough (2-1), a escutá-lo "e não ao seu empresário".

Mourinho insistiu que o futuro de Martial é no Manchester United, rejeitando o cenário de um possível empréstimo aos espanhóis do Sevilha na reabertura do mercado.

"Anthony tem de escutar-me e não ao seu empresário. Tem de escutar-me em cada treino e ouvir os conselhos que dou a todos os jogadores", disse o técnico português após o 'suado' triunfo dobre o 'Boro', na 19.ª jornada da 'Premier League'.

Em Old Trafford, no reencontro de José Mourinho com Karanka, adjunto do português no Real Madrid, o Manchester United venceu o Middlesbrough por 2-1, mas não ganhou para o susto.

Depois de uma primeira parte sem golos, os visitantes passaram para a frente do marcador aos 67 minutos, com um golo de Grand Leadbitter, mas o Middlesbrough deixou fugir a vantagem, e os três pontos, nos últimos cinco minutos.

Na reta final do jogo, e em apenas um minuto, o Manchester United deu a volta ao resultado. Martial, que fez o primeiro jogo completo pelo Manchester United, empatou para os 'red devils', aos 85, e o seu compatriota Pogba fixou o resultado para os anfitriões um minuto depois.

Na semana passada, o empresário de Martial, Philippe Lamboley, tinha garantido que o avançado francês estava na 'órbita' do Sevilha, que pretendia o jogador por empréstimo.

"Leio todos os dias: Martial vai para o Sevilha, Martial vai ser emprestado, Martial não está contente. Tem de é ouvir-me: é um jogador com grandes condições de ser um futebolista de top", insistiu José Mourinho depois da quinta vitória consecutiva para o campeonato do Manchester United.

Lusa

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.