sicnot

Perfil

Desporto

Elisabete Jacinto abandona África Eco Race

Com este resultado, a portuguesa manteve o terceiro posto dos camiões e o 15.º da geral. (Arquivo)

SIC

A piloto português Elisabete Jacinto (MAN) abandonou esta quarta-feira a África Eco Race, rali todo-o-terreno, devido a um problema mecânico no camião.

Elisabete Jacinto tinha cumprido cerca de 70 quilómetros da especial desta quarta-feira da maratona africana, que era composta por 370 quilómetros cronometrados entre Domaine Moulay e Tagounite (Marrocos), quando um princípio de incêndio ocorreu na zona do motor do camião.

A portuguesa, que era terceira na classificação dos camiões à partida para a segunda jornada, parou antes de entrar nas dunas do Erg Chebbi para apagar as chamas e verificar os danos sofridos mas, apesar de o fogo ter sido prontamente extinto, não foi possível continuar em prova.

"Quando saímos percebemos que havia chamas sobre o motor, que estava a derramar óleo. Pegámos nos extintores, apagámos o incêndio e constatámos que tínhamos um problema grave no motor. Chamámos a assistência que veio ter connosco para nos ajudar a resolver o problema. Ainda tínhamos esperança de poder continuar em prova, mas passado algum tempo percebemos que a avaria era grande e que não poderíamos continuar. Foi uma grande desilusão para todos nós", contou Elisabete Jacinto, citada pela sua assessoria de imprensa.

Lusa

  • "Estamos a investir na nossa própria desgraça"
    0:37
  • Saída dos EUA do acordo de Paris é "uma vergonha"

    Mundo

    O ex-secretário de Estado norte-americano John Kerry considerou esta terça-feira "uma vergonha" a decisão do Presidente Donald Trump de retirar os Estados Unidos do acordo do clima de Paris, garantindo que o povo não acompanha esse gesto de "autodestruição".

  • "Meninas proibidas de usar saias curtas e roupa transparente" para evitar abusos em Timor
    0:50
  • "De repente ele estava em cima de mim a beijar-me e a apalpar-me"
    2:43