sicnot

Perfil

Desporto

Sporting recebe Feirense e procura ficar a dois pontos do FC Porto

O Sporting pode hoje ficar a dois pontos do segundo lugar da I Liga de futebol, ocupado pelo FC Porto, caso triunfe na receção ao Feirense, em jogo da 16.ª jornada da prova.

Poucos dias após a polémica eliminação da Taça da Liga, os 'leões' recebem o Feirense, que ocupa a 15.ª posição, três pontos acima da zona de despromoção, um dia depois de o FC Porto ter empatado em casa do Paços de Ferreira.

O Sporting parte para este encontro a 11 pontos do líder Benfica, que, no sábado, venceu fora o Vitória de Guimarães (2-0), estando, por isso, proibidos a perder mais pontos para o topo da tabela.

O encontro entre o Sporting e o Feirense está marcado para as 20:15 e é o penúltimo da ronda, que fecha na segunda-feira, com a receção do Moreirense, 17.º e penúltimo posicionado, ao Belenenses, 11.º.

Num dos outros encontros de hoje, o Rio Ave (sexto) e Desportivo de Chaves (oitavo) lutam pelo sexto posto, com vantagem de um pontos para os vila-condenses.

O lanterna-vermelha Tondela recebe o Arouca (12.º), enquanto o Boavista (10.º) joga em casa com o Vitória de Setúbal (nono).

- Sábado, 07 jan:

Nacional -- Sporting de Braga, 0-0

Estoril-Praia -- Marítimo, 0-1

Vitória de Guimarães -- Benfica, 0-2

Paços de Ferreira -- FC Porto, 0-0

- Domingo, 08 jan:

Tondela -- Arouca, 16:00 (Sport TV)

Rio Ave -- Desportivo de Chaves, 16:00 (Sport TV)

Boavista -- Vitória de Setúbal, 18:00 (Sport TV)

Sporting -- Feirense, 20:15 (Sport TV)

- Segunda-feira, 09 jan:

Moreirense -- Belenenses, 20:00 (Sport TV)

Lusa

  • Fogo em Sabrosa entrou em fase de resolução

    País

    O incêndio que deflagrou terça-feira em Vilela do Douro, Sabrosa, distrito de Vila Real, entrou a meio da manhã de hoje em fase de resolução, segundo a Autoridade Nacional de Proteção Civil.

  • Porto Editora acusada de discriminação
    2:55
  • "Burlão do amor" acusado de tirar 450 mil euros a amante
    2:21

    País

    Um homem com cerca de 50 anos é acusado de tirar 450 mil euros a uma mulher com quem começou por ter uma relação profissional. Ele pedia, ela emprestava. Anos depois, ela ficou insolvente, com dívidas à banca de 214 mil euros e sem emprego. O homem é arguido, nega a relação amorosa entre ambos, mas admite ter recebido dinheiro dela. Garante, no entanto, que tenciona pagar o que deve.