sicnot

Perfil

Desporto

Adeptos de Liverpool e Borussia Dortmund os melhores do ano para a FIFA

© / Reuters

Os adeptos do Liverpool e do Borussia Dormund receberam esta segunda-feira o prémio de melhor massa associativa de 2016 durante a gala organizada pela FIFA, a decorrer em Zurique, na Suíça.

O galardão, entregue pela atleta de salto com vara russa Yelena Isinbayeva e pelo ex-capitão sul-africano de futebol Lucas Radebe, premiou a comunhão dos adeptos de ambos os clubes na partida disputada a 14 de abril, em Anfield Road, que opôs as duas equipas nos quartos de final da Liga Europa.

Os adeptos dos dois clubes entoaram em conjunto a célebre canção 'You'll Never Walk Alone', um hino futebolístico dos adeptos do Liverpool, antes do encontro, em memória pelo 27.º aniversário da tragédia de Hillsborough, a qual se comemorava no dia seguinte.

Um painel de especialistas integrado pelos antigos e atuais futebolistas Zvonimir Boban, Marta, Gabriel Batistuta e Valdimir Petkovic elegeu os três momentos mais marcantes do ano e foram os adeptos em geral que votaram a favor da opção vencedora.

Lusa

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.