sicnot

Perfil

Desporto

Portugal mantém oitavo lugar no "ranking" da FIFA

© Reuters Staff / Reuters

A seleção portuguesa, campeã europeia de futebol, iniciou 2017 no oitavo lugar do "ranking" da FIFA, divulgado esta quinta-feira pelo organismo regulador da modalidade, que continua a ser liderado pela Argentina.

A lista não sofreu alterações entre os 10 primeiros classificados desde a última atualização, em dezembro, com a Argentina no primeiro lugar do "pódio", imediatamente à frente do Brasil e da Alemanha, campeã mundial em exercício.

A Suíça continua a ser o mais bem classificado dos cinco adversários de Portugal no grupo B da fase de qualificação europeia para o Mundial2018, mantendo-se no 11.º lugar, enquanto a Hungria é 26.º, as Ilhas Faroé e Letónia subiram um lugar, para 82.º e 110.º, e Andorra permanece em 203.º.

Entre os países lusófonos, a Guiné-Bissau manteve-se em 68.ª, Cabo Verde subiu de 80.º para 79.º, Moçambique ganhou um posto, para 106.º, ao contrário de Angola, que baixou de 143.º para 144.º, tendo-se mantido São Tomé e Príncipe (153.º) e Timor-Leste (191.º).


- "Ranking" da FIFA, a 12 de janeiro:

1. (1) Argentina, 1.634 pontos.

2. (2) Brasil, 1.544.

3. (3) Alemanha, 1.433.

4. (4) Chile, 1.404.

5. (5) Bélgica, 1.368.

6. (6) Colômbia, 1.345.

7. (7) França, 1.305.

8. (8) Portugal, 1.229.

9. (9) Uruguai, 1.187.

10. (10) Espanha, 1.166.

(...)

68. (68) Guiné-Bissau, 515.

79. (80) Cabo Verde, 449.

106. (107) Moçambique, 322.

108. (110) Gabão, 313.

144. (143) Angola, 199.

153. (153) São Tomé e Príncipe, 177.

184. (184) Macau, 82.

191. (191) Timor-Leste, 64.

  • Captura ilegal de cavalos-marinhos na Ria Formosa
    3:02

    País

    Há cada vez menos cavalos marinhos na Ria Formosa. Cientistas da Universidade do Algarve dizem que a maior população desta espécie no mundo, que é a que existe na Ria Formosa, está ameaçada devido à captura ilegal para o mercado asiático. Dizem que, se nada for feito para travar este fenómeno, esta espécie protegida pode desaparecer em poucos anos.