sicnot

Perfil

Desporto

Chaves e Sporting lutam por vaga nas meias-finais da Taça de Portugal

JOSE COELHO

O Desportivo de Chaves e o Sporting voltam esta terça-feira a defrontar-se em Trás-os-Montes, desta feita para os quartos de final da Taça de Portugal em futebol, três dias depois do empate a dois para a I Liga.

Flavienses e "leões" decidem um lugar nas meias-finais da prova, no encontro marcado para as 20:15, com arbitragem de Artur Soares Dias, da Associação de Futebol do Porto.

O Sporting procura regressar à final dois anos depois de ter vencido a prova, enquanto o Desportivo de Chaves não chegava a esta fase desde 2009/10, quando perdeu no Jamor frente ao FC Porto.

As duas equipas já se encontraram por duas vezes na Taça de Portugal, com os "leões" a vencerem sempre, a última das quais em 1995/96, por 3-1, em Chaves.

O vencedor do encontro vai encontrar o Sporting da Covilhã, da II Liga, ou o Vitória de Guimarães, da I Liga, que se defrontam na quarta-feira.

Antes, às 18:15, o Estoril-Praia, da I Liga, recebe a Académica, do segundo escalão, na disputa pela primeira vaga nas meias-finais da prova, nas quais a equipa que passar vai medir forças com o vencedor do confronto entre o Benfica (I Liga) e o Leixões (II Liga), na quarta-feira.

Lusa

  • Videoamador mostra grupo a atar tocha a um touro
    1:33
  • PJ investiga forma como o FC Porto obteve os e-mails
    1:58

    Desporto

    Enquanto o campeonato português de futebol está de férias do relvado, nos bastidores continua uma guerra aberta por causa dos e-mails. O FC Porto entregou à Polícia Judiciária toda a documentação disponível do chamado caso dos e-mails, que envolve o Benfica num alegado esquema de corrupção. O pedido foi feito pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção da PJ. A forma como o FC Porto obteve os e-mails também está a ser investigada pela Polícia Judiciária.

  • Manifestantes bloquearam Caracas

    Mundo

    Milhares de pessoas bloquearam esta sexta-feira as ruas de Caracas e de outras cidades, em protesto contra a repressão e o assassinato de manifestantes pelas forças de segurança.