sicnot

Perfil

Desporto

River Ecuador ganhou amigável de solidariedade com o Chapecoense

© Paulo Whitaker / Reuters

O clube de futebol equatoriano River Ecuador ganhou na terça-feira por 2-1 o jogo amigável de solidariedade disputado com o brasileiro Chapecoense.

O argentino Daniel Neculman marcou para o River aos 18 minutos e Roney fez golo na sua própria baliza aos 40 minutos, enquanto Mineiro reduziu a desvantagem para o Chapecoense, com um golo aos 42 minutos.

A partida terminou aos 71 minutos, em homenagem às 71 vítimas do acidente aéreo em novembro passado, a maioria jogadores do Chapecoense.

Os diretores do clube equatoriano entregaram medalhas a cada um dos jogadores e equipa técnica, e um delegado da Federação Equatoriana de Futebol (FEF) entregou uma placa ao representante do campeão na Taça Sul-Americana.

As receitas da venda dos bilhetes foram entregues aos diretores do Chapecoense como forma de ajuda para os familiares dos futebolistas que morreram no acidente aéreo.

A 28 de novembro de 2016, a queda do avião da companhia boliviana Lamia perto de Medellín, na Colômbia, causou a morte a 71 das 77 pessoas que seguiam a bordo, incluindo a maioria dos jogadores da Chapecoense, dirigentes e jornalistas que acompanhavam a equipa de futebol brasileira.

No domingo, a Chapecoense voltou aos relvados com um empate a dois golos com o Palmeiras, depois de ter recrutado 22 novos jogadores.

Antes do jogo, Follmann e os outros dois jogadores que sobreviveram - Neto e Alan Ruschel - levantaram a Taça Sul-Americana, que a confederação sul-americana decidiu entregar à Chapecoense.

Lusa

  • Confirmados dois novos casos de legionella

    Legionella

    Dois novos casos de legionella foram esta quarta-feira confirmados. A informação foi avançada em comunicado pela Direção-Geral da Saúde. Tratam-se de duas pessoas com mais de 80 anos, internadas no Hospital São Francisco Xavier e no Egas Moniz, ambas em situação clínica estável.

  • Quem é o novo Presidente do Zimbabué?
    2:15

    Mundo

    Emmerson Mnangagwa é o sucessor de Robert Mugabe que regressou esta quarta-feira da África do Sul, onde estava refugiado. No primeiro discurso, o Presidente do Zimbabué falou de uma nova democracia no país. Mnangagwa, conhecido como crocodilo, é suspeito de atrocidades na guerra civil pós-independência. 

  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50