sicnot

Perfil

Desporto

A celebração efusiva de Venus Williams no Open da Austrália

A tenista norte-americana Venus Williams garantiu, na última madrugada, uma vaga na final do Open da Austrália, onde vai defrontar a irmã Serena. Um triunfo que foi celebrado de forma efusiva pela nº13 do ranking mundial, com direito a coreografia e tudo.

Na primeira meia-final do torneio feminino de singulares, Venus derrotou a compatriota CoCo Vandeweghe em três 'sets' (6-7, 6-2 e 6-3) e regressou a uma final de torneio do Grand Slam pela primeira vez desde 2009.

Na primeira celebração, a tenista parecia não conseguir encontrar forma de expressar a felicidade que sentia:

Já depois de cumprimentar a adversária, a mais velha das irmãs Williams deu um pézinho de dança no court da Rod Laver Arena, em Melbourne:

As imagens falam por si:

© Thomas Peter / Reuters

© Jason Reed / Reuters

© Jason Reed / Reuters

© Jason Reed / Reuters

© Edgar Su / Reuters

© Issei Kato / Reuters

A conquista de Venus tem ainda maior significado se tivermos em conta que a tenista norte-americana foi diagnosticada, há seis anos, com o síndrome de Sjogren, uma doença auto-imune que afetou a sua capacidade para treinar.

Na conferência de imprensa, Venus Williams deixou bem claro o desejo sobre qual a adversária que preferia encontrar na final do primeiro torneio Grand Slam da temporada: "Daria tudo para ver a minha irmã do outro lado da rede no sábado", uma vontade que se veio a concretizar horas mais tarde, quando Serena, nº2 do mundo, derrotou a croata Mirjana Lucic-Baroni em dois 'sets' (6-2 e 6-3).

© Jason Reed / Reuters

© Jason Reed / Reuters

© Jason Reed / Reuters

Para Serena Williams, "não importa o que venha a acontecer no sábado". A ex-líder do ranking mundial considera que ambas já são vencedoras.

Com esta vitória, Venus tornou-se a tenista mais velha a alcançar a final do Open da Austrália.

As irmãs Williams vão defrontar-se no encontro decisivo de um torneio Grand Slam pela nona vez, com o histórico a ser favorável a Serena, com sete vitórias, contra as duas de Venus:

Um duelo familiar que vai decidir a vencedora do primeiro torneio do Grand Slam da temporada. A grande final está agendada para este sábado, às 19h30 (08h30 em Lisboa).

  • "É mais um notável tiro no pé de Passos Coelho"
    4:04

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite, a polémica em torno de Pedro Passos Coelho, depois do presidente do PSD ter pedido desculpas por ter "usado informação não confirmada", ao falar na existência de suicídios, depois desmentidos, como consequência da falta de apoio psicológico na tragédia de Pedrógão Grande. Sousa Tavares considera que Passos Coelho deu "mais um tiro no pé" e defende que o líder da oposição "está notoriamente desgastado" e "caminha para uma tragédia eleitoral autárquica".

    Miguel Sousa Tavares

  • Este texto é sobre o bom senso. O bom senso que faltou a Passos Coelho quando, esta manhã, depois de uma visita pelas áreas ardidas de Pedrógão Grande, decidiu falar em suicídios. Passos não se referiu a tentativas, mas sim a atos consumados. Deu certezas. Disse que tinha conhecimento de “pessoas que puseram termo à vida” porque “que não receberam o apoio psicológico que deviam.”

    Bernardo Ferrão

  • Simplex+2017 promete simplificar burocracia
    1:08

    País

    Já está online o novo Simplex+2017, que vai simplificar a vida dos cidadãos, empresas e administração pública. Pagar impostos com cartão de crédito e ter o cartão de cidadão ou a carta de condução no telemóvel são alguns exemplos do que está previsto.

  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.