sicnot

Perfil

Desporto

Capitão da seleção mexicana Rafael Marquez ironiza com muro de Donald Trump

© Paul Hanna / Reuters

O emblemático capitão da seleção mexicana de futebol, Rafael Marquez, reagiu esta quinta-feira com ironia ao muro projetado por Donald Trump com um tweet de um vídeo em que marca um livre a fazer passar a bola sobre uma barreira de jogadores.

"Nenhum muro nos pode parar se acreditarmos em nós mesmos", escreveu o defesa, de 37 anos, na rede social Twitter, fazendo acompanhar o comentário de um vídeo com a marcação de um livre, uma das suas imagens de marca no FC Barcelona (2003/2010).

O novo presidente dos Estados Unidos assinou na quarta-feira um decreto em que lança a construção de um muro na fronteira com o México, como forma de conter a imigração ilegal, dando seguimento a uma das suas mais polémicas promessas eleitorais.

Rafa Marquez, também conhecido pelo Kaiser de Michoacán, referência à sua região de origem, que passou, além do FC Barcelona, pelo Mónaco (1999-2003) e pelos New York Red Bulls (2010-2012), representa atualmente o Atlas de Guadalajara.

Do palmarés da Rafa Marquez fazem parte 137 presenças na seleção principal mexicana, com a qual disputou quatro edições do Mundial.

Lusa

  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis, conclui avaliação do FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela troika em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),

  • "A maioria das pessoas que criticou André Ventura nunca viveu esses problemas"
    3:43

    Opinião

    A polémica em torno das declarações do candidato do PSD à Câmara de Loures, André Ventura, sobre o modo de vida da etnia cigana no concelho, esteve em análise no Jornal da Noite desta segunda-feira. Miguel Sousa Tavares defende que "os problemas existem mas não podem ser generalizados". O comentador SIC considera, ainda assim, que André Ventura tem razão quando diz que "a maioria das pessoas que o criticou nunca viveu esses problemas".

    Miguel Sousa Tavares