sicnot

Perfil

Desporto

Wenger punido com quatro jogos por insultar e desobedecer ao quarto árbitro

© Reuters Staff / Reuters

O treinador francês Arsene Wenger foi esta sexta-feira castigado com quatro jogos de suspensão por má conduta no incidente que motivou a sua expulsão na vitória de domingo do Arsenal frente ao Burnley, na Liga inglesa de futebol.

"Aos 90+2 minutos, usou linguagem abusiva/insultuosa para com o quarto árbitro. Foi alegado ainda que, após a sua expulsão da área técnica, o seu comportamento em permanecer na área do túnel e promover contato físico com o quarto oficial equivalia a conduta imprópria", explica a federação.

O técnico francês foi expulso por Jon Moss depois de alegadamente insultar o quarto árbitro, Anthony Taylor, depois da marcação de um penálti contra o Arsenal, já nos descontos, que deu o empate 1-1: ainda assim, aos 90+8, o chileno Alexis Sanchez garantiu o triunfo do Arsenal, também de penálti.

Entre a expulsão e o fim do jogo, Wenger, de 67 anos, ficou à entrada do túnel de acesso aos balneários e terá empurrado o quarto árbitro quando este lhe exigiu que abandonasse a área. Apesar de ter pedido desculpas no fim do encontro, a federação puniu-o com quatro desafios de suspensão e uma multa a rondar os 29 mil euros.

O Arsenal é segundo classificado na Liga inglesa a oito pontos do líder Chelsea, tendo um ponto de avanço para o Tottenham e dois para o Liverpool: o Manchester United, de José Mourinho, é sexto com 41, a dois do Manchester City de Guardiola.

Lusa

  • Atentado "falhado" em Nova Iorque
    1:43

    Mundo

    Uma explosão numa das zonas mais movimentadas de Manhattan fez quatro feridos, esta segunda-feira. Entre eles está o homem que transportava o engenho e que foi entretanto detido.

  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.

  • 10 Minutos com Leonor Beleza
    10:27

    10 Minutos

    A nossa convidada desta segunda-feira ainda é conhecida por ter sido ministra da Saúde e pelo seu trabalho à frente da Fundação Champalimaud. Mas desta vez vamos falar com Leonor Beleza sobre os 40 anos da revisão do Código Civil, em que esteve envolvida.

    Entrevista completa