sicnot

Perfil

Desporto

Jogador deixa Saint-Etienne apenas três dias depois de assinar

O avançado francês Anthony Mounier vai jogar nos italianos da Atalanta, depois dos adeptos 'ultra' do Saint-Etienne terem boicotado a sua permanência no clube, forçando-o a sair apenas três dias após a sua chegada.

O Bolonha, clube ao qual pertence, acertou a cedência ao conjunto gaulês, mas os adeptos, que não esquecem as suas atitudes contra o clube quando este representava o Nice, foram inflexíveis e boicotaram o enlace.

"Mouriner: as nossas cores nunca serão as tuas", escreveram os radicais na tarja que colocaram no centro de estágio, mesmo antes do avançado, de 29 anos, regressar a França, onde chegou a receber ameaças de morte.

Na sua apresentação, manifestou-se "disponível para dar explicações aos adeptos, para que a relação comece bem": "Cometi erros próprios da juventude".Anthony Mounier foi formado pelo eterno rival Lyon, por quem jogou até 2009.

Anos mais tarde, quando alinhava pelo Nice, num jogo do campeonato ganho por 3-2 no último minuto foi apanhado pelas camaras a entoar um cântico com palavras muito ofensivas contra o Saint-Etienne a celebrar o golo.

O clube francês alegou "motivos extradesportivos" para devolver o atleta a Itália."Foi a decisão certa. Às vezes, não devemos ter vergonha de dar um passo atrás", disse o treinador Christophe Galtier, que revelou que Mounier "foi muito bem recebido pelo balneário e equipa técnica".

A Atalanta está em sexto lugar em Itália, enquanto o Bolonha, a cujos quadros pertence, é 12.º.

Lusa

  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.