sicnot

Perfil

Desporto

Hull City de Marco Silva vence Liverpool por 2-0

O Hull City, de Marco Silva, travou este sábado o Liverpool (2-0) na corrida ao título da Liga inglesa de futebol, com o treinador português a mostrar, uma vez mais, apetência para incomodar os 'grandes'.

Com a chegada em janeiro ao Hull City a tarefa de Marco Silva passa por manter a equipa na 'Premier League' e após a vitória de hoje, em casa, conquistou mais um degrau, sendo agora 18.º e antepenúltimo classificado.

A equipa, que a meio da semana tinha imposto em Old Trafford um empate sem golos ao Manchester United, de José Mourinho, está a um ponto de Swansea (17.º), que visita o Manchester City, Leicester (16.º), que recebe o United, ambos domingo, e Middlesbrough (15.º), que joga hoje em casa do Tottenham.

Com a iniciativa ofensiva a pertencer ao Liverpool, que terminou o jogo com o triplo dos ataques (22) e 72% de posse de bola, o Hull 'desestabilizou' a equipa do alemão Juergen Klopp com um golo ainda antes do intervalo.

Foi de bola parada, num canto, com um mau alívio do guarda-redes Mignolet, que deixou a bola à mercê de N'Diaye, aos 44.

O 'golpe final' aconteceu em momento crítico, com o Liverpool balanceado na frente, à procura do golo, e Niasse 'plantado' no meio-campo a receber a bola longa para partir para o 2-0, aos 84, com os 'reds' na expetativa de uma falta.

A derrota do Liverpool permitiu, à semelhança do que aconteceu com o Arsenal ao perder com o Chelsea (2-0), que os 'blues', de Antonio Conte reforçassem ainda mais a sua candidatura ao título inglês.

O Chelsea lidera com 59 pontos, seguido de Tottenham, com 47 e menos um jogo, de Arsenal, também com 47, Liverpool, com 46, City, 46, e United, 42, sendo que as equipas de Manchester ainda não entraram em campo nesta ronda.

O dia foi fértil em golos, em especial no Everton-Bournemouth (6-3), com a formação de Liverpool, sétima na tabela, a contar com quatro golos do internacional belga Lukaku.

Outro jogo aliciante do dia colocou frente a frente o Southampton e o West Ham, num reencontro de José Fonte com a equipa que deixou neste mercado de inverno e da qual era capitão, e com o seu compatriota Cédric Soares.

Cédric foi titular no Southampton, que viu o visitante West Ham vencer por 3-1, num jogo em que os londrinos não sentiram a falta do francês Payet, que regressou a Marselha.

Noutros jogos, o Watford e West Bromwich venceram em casa o Burnely (2-1) e Stoke City (1-0), respetivamente, e o último, o Sunderland, goleou fora o Crystal Palace (4-0), penúltimo.

Lusa

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras