sicnot

Perfil

Desporto

Sporting de Braga ataca terceiro lugar

O Sporting de Braga recebe hoje o Estoril-Praia certo de que um triunfo o levará ao terceiro lugar da I Liga de futebol, ultrapassando o Sporting, que perdeu na visita ao FC Porto nesta 20.ª jornada.

Frente ao antepenúltimo classificado, que perdeu seis dos últimos sete jogos, os arsenalistas procuram dar um safanão na pequena crise, após a perda da final da Taça da Liga para o Moreirense (1-0) e derrota no terreno do Rio Ave (1-0), no campeonato.

O Sporting de Braga tem 36 pontos, menos dois do que o Sporting, que após a derrota no Dragão (2-1) ficou a nove do FC Porto e a 10 do Benfica, tricampeão nacional, que no domingo bateu em casa o Nacional (3-0), agora último classificado.

Ainda a sonhar com a Europa, o Marítimo (8.º) recebe o Moreirense (15.º) e procura capitalizar os deslizes de Setúbal, Chaves e Guimarães para subir a sexto e aproximar-se no quinto posto dos vimaranenses.

Logo abaixo, o Rio Ave (9.º) também pode sair desta jornada à frente de sadinos e flavienses se vencer na visita ao Feirense (14.º).


Programa e resultados da 20.ª jornada:

Sexta-feira, 3 fev:

  • Paços de Ferreira - Vitória de Guimarães, 2-0

Sábado, 4 fev:

  • Desportivo de Chaves - Boavista, 0-0
  • FC Porto - Sporting, 2-1

Domingo, 5 fev:

  • Arouca - Vitória de Setúbal, 2-1
  • Benfica - Nacional, 3-0
  • Belenenses - Tondela, 0-0

Segunda-feira, 6 fev:

  • Marítimo - Moreirense, 19:00 (Sport TV)
  • Sporting de Braga - Estoril-Praia, 21:00 (Sport TV)
  • Feirense - Rio Ave, 21:00 (Sport TV)

Lusa


  • Marcelo de volta a casa após diagnóstico de gastroenterite aguda
    3:37
  • "Todas as decisões que tomei foi sempre a pensar no Sporting primeiro"
    2:08
  • Saransk tanto anseia por Ronaldo que até lhe fizeram um vídeo e uma música
    3:07
  • Portugal quer atrair imigrantes
    1:28

    País

    O Governo prepara-se para regularizar a situação de 30 mil imigrantes ilegais que vivem em Portugal. De acordo com a edição deste sábado do semanário Expresso, o Executivo pretende também abrir portas a 75 mil novos imigrantes por ano.