sicnot

Perfil

Desporto

Futebolista Enzo Maresca termina carreira aos 37 anos

© Felix Ausin Ordonez / Reuters

O médio italiano Enzo Maresca anunciou esta sexta-feira o fim da carreira no futebol, aos 37 anos, sem esperar pelo fim da atual época, na qual estava a representar o Verona, líder da Série B italiana.

"Com 37 anos, após quase 20 no futebol, decidi terminar a carreira... Foram anos vividos com imensa paixão, que me levou a jogar em equipas de quatro países e que me deu a oportunidade de conhecer culturas e mundos diferentes", indica Maresca, numa carta de despedida.

Durante a longa carreira, Maresca conquistou vários títulos, dos quais se destaca o de campeão italiano, em 2003, duas edições da Liga Europa, em 2006 e 2007, a Supertaça europeia, em 2006, e a Taça do Rei de Espanha, em 2007.

O médio passou, sucessivamente, pelo West Bromwich Albion, Juventus, Bolonha, Piacenza, Fiorentina, Sevilha, Olympiacos, Málaga, Sampdoria, Palermo e Verona, clubes que lhe permitiram "crescer como jogador e como homem".

Lusa

  • Vídeo mostra passagem da carrinha a alta velocidade nas Ramblas
    0:33
  • O momento em que os suspeitos foram abatidos em Cambrils
    2:35

    Ataque em Barcelona

    Em Cambrils, também na Catalunha, foram mortos cinco alegados terroristas que atropelaram várias pessoas, uma morreu e seis ficaram feridas, quando escapavam a uma perseguição policial, esta madrugada. As autoridades investigam uma eventual relação entre os dois atentados. Nota: chamamos à atenção para a violência das imagens, que podem chocar os espetadores mais sensíveis.

  • Nível de ameaça terrorista em Portugal continua moderado
    1:31

    Ataque em Barcelona

    O primeiro-ministro garantiu hoje que, para já, o nível de ameaça terrorista em Portugal não vai ser alterado (o nível está no 4 em 5). Já o Presidente da República disse que não há tolerância possível e garante que há medidas preparadas caso o mesmo cenário venha a acontecer em Portugal.

  • Duas frentes "preocupantes" no concelho de Mação

    País

    A Proteção Civil chegou a dizer que a situação estava mais calma em Mação, mas durante a tarde desta sexta-feira surgiram duas frentes "preocupantes" junto às populações de Vale de Abelha e Ortiga, informou o presidente da Câmara.