sicnot

Perfil

Desporto

Franck Passi é o novo treinador do Lille de Éder, Rony Lopes e Xeka

© Jean-Paul Pelissier / Reuters

Franck Passi é o novo treinador do Lille, dos futebolistas portugueses Éder, Rony Lopes e Xeka, sucedendo a Patrick Collot, que em novembro de 2016 rendeu interinamente Fédéric Antonetti, confirmou esta terça-feira o presidente do clube francês, Gerard Lopez.

"Franck Passi vai substituir Patrick Collot, numa decisão que se enquadra numa estratégia mais alargada", disse Gerard Lopez à agência noticiosa AFP, após o Lille ter somado a terceira derrota consecutiva frente ao Angers (2-1).

O treinador Franck Passi, de 50 anos, deixou o comando técnico do Marselha em outubro de 2016, tendo sido substituído por Rudi Garcia, e é a aposta de Gerard Lopez para travar os rumores que davam conta da hipótese Marcelo Bielsa.

Patrick Collot, de 49 anos, foi nomeado em 22 de novembro de 2016 como treinador interino, após a demissão de Frédéric Antonetti, e em 26 de janeiro tinha anunciado que permaneceria até ao final da época se os resultados fossem positivos.

Na altura, o Lille ocupava a 14.ª posição da I liga gaulesa, mas presentemente está no 17.º posto, com 26 pontos nos 25 jogos realizados, sendo o primeiro clube acima da linha de despromoção, com um ponto de vantagem sobre o Caen.

Lusa

  • Vídeo mostra passagem da carrinha a alta velocidade nas Ramblas
    0:33
  • O momento em que os suspeitos foram abatidos em Cambrils
    2:35

    Ataque em Barcelona

    Em Cambrils, também na Catalunha, foram mortos cinco alegados terroristas que atropelaram várias pessoas, uma morreu e seis ficaram feridas, quando escapavam a uma perseguição policial, esta madrugada. As autoridades investigam uma eventual relação entre os dois atentados. Nota: chamamos à atenção para a violência das imagens, que podem chocar os espetadores mais sensíveis.

  • Nível de ameaça terrorista em Portugal continua moderado
    1:31

    Ataque em Barcelona

    O primeiro-ministro garantiu hoje que, para já, o nível de ameaça terrorista em Portugal não vai ser alterado (o nível está no 4 em 5). Já o Presidente da República disse que não há tolerância possível e garante que há medidas preparadas caso o mesmo cenário venha a acontecer em Portugal.

  • Duas frentes "preocupantes" no concelho de Mação

    País

    A Proteção Civil chegou a dizer que a situação estava mais calma em Mação, mas durante a tarde desta sexta-feira surgiram duas frentes "preocupantes" junto às populações de Vale de Abelha e Ortiga, informou o presidente da Câmara.