sicnot

Perfil

Desporto

Jovens iranianas disfarçadas de rapaz impedidas de entrar em estádio em Teerão

© Caren Firouz / Reuters

Oito raparigas iranianas que se disfarçaram de rapaz para poderem assistir a um jogo de futebol, apesar da proibição oficial, foram impedidas de entrar no estádio de Teerão, anunciou esta terça-feira um responsável iraniano citado pela agência Tasnim.

"Oito raparigas vestidas de rapaz queriam entrar no domingo no estádio Azadi", no sudoeste da capital iraniana, "para assistir ao 'derby' entre Esteghlal e Persépolis, mas os agentes de segurança identificaram-nas e impediram-nas de entrar", declarou Alireza Adeli, diretor das questões de segurança do Ministério do Interior.

Esteghlal e Persépolis são as duas mais antigas e célebres equipas de futebol do país.

No Irão, o acesso aos estádios de futebol é proibido às mulheres desde a Revolução Islâmica de 1979, oficialmente para as proteger de comportamentos e comentários obscenos dos adeptos masculinos.

O Governo do Presidente Hassan Rohani, um moderado, tem manifestado vontade de aligeirar estas restrições para alguns desportos.

Exemplo disso é que as mulheres puderam recentemente assistir, numa zona reservada, a jogos de basquetebol e voleibol.

Adeli referiu que a ocorrência de situações como esta não é nova, e que já "houve, noutras ocasiões, raparigas que tentaram entrar no estádio para ver jogos de futebol", acrescentando que continua proibida a entrada de mulheres em estádios de futebol devido à sobrelotação das bancadas e a "condições inadequadas".

Lusa

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC