sicnot

Perfil

Desporto

Grant Hackett encontrado "vivo e bem de saúde"

© Jason Reed / Reuters

O antigo nadador australiano Grant Hackett foi encontrado "vivo e bem de saúde", informou esta quinta-feira o pai do duplo campeão olímpico, que tinha comunicado à polícia o desaparecimento do filho, após uma discussão familiar.

Neville Hackett adiantou que o filho entrou em contacto com as autoridades policiais, que foram alertadas pelo pai para os "problemas psicológicos" do ex-nadador, depois de este não ter comparecido a uma consulta médica.

"A polícia informou que está vivo e bem de saúde. Disse-lhes que apenas pretende afastar-se de todos por um tempo", precisou o pai do ex-recordista mundial dos 1.500 metros, que tinha publicado nas redes sociais uma fotografia na qual era visível um hematoma no olho direito.

Hackett, de 36 anos, tinha sido detido na quarta-feira e libertado pouco tempo depois, na sequência de uma denúncia apresentada pela família, devido ao comportamento violento do antigo nadador.

O australiano, que em 2014 realizou uma cura de desintoxicação à dependência de soníferos, conquistou as medalhas de ouro dos 1.500 metros em Sydney2000 e Atenas2004 e a medalha de prata em Pequim2008.

No ano passado, tentou regressar à competição, mas falhou a qualificação para os Jogos Olímpicos Rio2016.

Lusa

  • Japão ganha nova esperança ao derrotar a Colômbia (2-1)

    Mundial 2018 / Colômbia

    No primeiro jogo do grupo H, a Colômbia foi derrotada pelo Japão. Um dos momentos altos do jogo aconteceu logo ao minuto 4 quando, na sequência de uma falta de Carlos Sanchez, o árbitro assinalou um penálti a favor da equipa japonesa. O colombiano levou um cartão vermelho, depois de ter intercetado um remate do Japão com a mão. Apesar da desvantagem numérica, a Colômbia iguala o marcador aos 39 minutos com um livre de Quintero. Contudo, Yuya Osako colocou o Japão novamente em vantagem aos 73 min.

  • Hospitais públicos à beira da rutura
    2:28
  • Repitam comigo: Portugal vai ser campeão do Mundo
    4:56
  • OMS inclui dependência dos videojogos na lista de doenças mentais

    Mundo

    A Organização Mundial de Saúde (OMS) incluiu a dependência de videojogos na lista de doenças mentais, uma possibilidade que tinha sido prevista no início do ano e que foi anunciada esta segunda-feira. Este pode ser mais um argumento para os pais limitarem o tempo de acesso dos filhos às consolas, computadores e todos os dispositivos com videojogos.

    SIC

  • "Estou a ser posta porta fora (...) faço o que vocês me disserem"
    2:43
  • Morreu o orangotango mais velho do mundo

    Mundo

    O orangotango mais velho do mundo morreu aos 62 anos no jardim zoológico de Perth, no norte da Austrália, deixando 54 descendentes, anunciou esta terça-feira a instituição.

  • Milionários aumentam... e as suas fortunas também

    Mundo

    O número de milionários mundiais cresceu em 2017 e o seu nível de riqueza aumentou pelo sexto ano consecutivo, ultrapassando pela primeira vez os 70 biliões de dólares (60,5 biliões de euros), segundo um estudo divulgado esta terça-feira.